Tudo sobre cursos tecnológicos

Além da curta duração que permite rápido ingresso na vida profissional, a aceitação dos profissionais tecnólogos no mercado de trabalho aumentou

Publicado em 03/07/13

Ricardo Augusto Lombardi *

Cursos mais curtos e com foco no mercado de trabalho. Esta é a proposta dos cursos superiores tecnológicos, que já somam 60 mil vagas ofertadas em todo o Brasil por instituições públicas e privadas.

Com o aquecimento da economia, o mercado ficou cada vez mais necessitado de mão de obra qualificada e contratar tecnólogos passou a ser a solução para atender a esta forte demanda. Além da curta duração que permite rápido ingresso na vida profissional, a aceitação dos profissionais tecnólogos no mercado de trabalho aumentou.

Para se ter uma ideia da importância dos cursos tecnológicos, o número de matriculados saltou de 81 mil, em 2002, para 870 mil, em 2011, de acordo com dados do Ministério da Educação e a maioria dos ingressantes tem entre 19 e 24 anos.

* O que são os cursos tecnológicos?

Assim como a licenciatura e o bacharelado, os cursos superiores tecnológicos, ou cursos superiores de tecnologia, são cursos de graduação, ou seja, são cursos que conferem grau aos que os concluem. Eles procuram formar profissionais capazes de desenvolver atividades de um determinado eixo tecnológico, aliando conhecimento às necessidades do mercado.

* Quais as principais vantagens dos Cursos Tecnológicos em relação aos outros tipos de Cursos de Graduação?

Em geral são mais baratos do que os outros tipos de graduação, podendo chegar a custar 40% do preço de um bacharelado. Por terem menor duração, os alunos têm acesso rápido ao mercado de trabalho. Há maior demanda do mercado de trabalho por profissionais formados em cursos tecnológicos. A maioria dos professores desses cursos atua na área em que leciona, o que permite que o aluno esteja sempre em contato com a realidade do mercado e com informações atualizadas.

* Quem conclui um curso tecnológico pode cursar pós-graduação, mestrado e doutorado?

Sim. Como os cursos superiores tecnológicos são cursos de graduação, os egressos desses cursos podem cursar qualquer tipo de pós-graduação: especialização, MBA, mestrado, doutorado e outros.

* Quais as principais diferenças entre os cursos tecnológicos e os outros tipos de cursos de graduação?

Os cursos tecnológicos são cursos mais rápidos do que as licenciaturas e os bacharelados; enquanto a duração dos cursos tecnológicos varia de 2 a 3 anos, a dos bacharelados varia de 4 a 6 anos e a duração média das licenciaturas é de 3 anos.

Além disso, enquanto as licenciaturas formam professores e os bacharelados procuram fornecer uma boa base teórica e uma visão mais ampla e generalista, os cursos tecnológicos são focados em uma área específica e são mais voltados ao mercado de trabalho; as aulas devem privilegiar a prática profissional, permitindo que o aluno tenha rápido ingresso no mercado.

* Como está o mercado para os profissionais que se formaram em cursos superiores tecnológicos?

Uma pesquisa divulgada recentemente pelo Centro de Políticas Sociais da FGV (Fundação Getúlio Vargas) e pelo Instituto Votorantim, mostra que os jovens que fazem cursos profissionalizantes possuem 48% mais chance de conquistar um emprego do que os que não possuem essa formação, e os salários são 13% maiores para quem possui esse tipo estudo. Como é especializado na área da sua graduação e formado para atender à demanda do mercado, esse profissional está sendo cada vez mais procurado pelas empresas, pois o tipo de sua formação agiliza a utilização dos conhecimentos nas práticas organizacionais.

* Ricardo Augusto Lombardi é jornalista, com especialização em web e na área de educação

Veja outras dicas de prepação

Treine com simulados online

Calendário dos Vestibulares

ACESSO RÁPIDO

CALENDÁRIO DO VESTIBULAR | TESTE VOCACIONAL ONLINE | SIMULADOS ONLINE | SIMULADOS DO ENEM | GUIA DE FACULDADES

RECOMENDAMOS

UNIP Universidade São Francisco FIPECAFI Inatel .. EPD.. FACTO.. Unigranrio ..