Siga-nos!

Destaque

Como é calculada a nota do Enem – Método TRI

Publicado

em

O Exame Nacional de Ensino Médio (Enem) 2019 está chegando. São dois dias de provas: o primeiro no dia 03/11, com 90 questões e uma redação. No dia 10/11, haverá o segundo dia de teste, com mais 90 questões. E, nessa reta final, é comum que os estudantes tenham dúvidas em relação à metodologia da avaliação.

Como é calculada a nota do Enem

Método TRI

O método TRI (Teoria de resposta ao Item) é utilizado pelo Enem desde 2009 e é um dos tópicos que mais causam incertezas entre os estudantes. Dando um exemplo, se dois alunos acertaram 90, no total de 180 questões, provavelmente eles terão notas diferentes. Vinícius Freaza, Diretor de de Inovação Pedagógica da Evolucional, startup de educação baseada em dados, e que aplica o simulado do Enem, explica como isso é possível. Confira:

Como a TRI funciona

A metodologia de avaliação é utilizada em muitas partes do mundo, em exames como o ENEM e o Sistema de Avaliação da Educação Básica (SAEB), no Brasil, e o Test of English as a Foreign Language (TOEFL) e o Scholastic Assessment Test (SAT), nos Estados Unidos. Diferente da Teoria Clássica dos Testes (TCT), que segue o princípio de que quanto mais itens um estudante acerta, maior é o seu conhecimento, o TRI tem como base o item, não a totalidade da prova. Ou seja, acertar 50% dos itens em uma avaliação não significa que a proficiência do aluno é igual a 50%: tudo depende de quais foram os itens respondidos.

TRI detecta os “chutes”

Treine com simulados Online. Clique aqui e resolva agora!

Em uma prova de múltipla escolha, sempre é possível o acerto ao acaso, em que o estudante “chuta” uma das alternativas. A TRI leva esse aspecto em conta, com um conceito chamado de coerência pedagógica.

Para ilustrá-la, imagine uma prova com 10 itens, cada um com seus níveis de dificuldade conhecidos, e suponha que dois participantes, “A” e “B”, acertem, ambos, cinco questões cada um. No entanto, esses dois alunos não acertaram as mesmas questões.

Partindo do pressuposto de que o participante “A” acertou as questões mais fáceis e, a partir de um certo nível, passou a errar todas as outras, dizemos que esse é um comportamento esperado e, portanto, pedagogicamente coerente.

No entanto, o participante “B” errou as questões fáceis, mas acertou as mais difíceis da prova. Esse não é um comportamento coerente e podemos supor que os acertos das questões difíceis tenham sido casuais. Esses acertos também contribuirão para o incremento da nota final do Participante “B”, mas em menor medida do que se apresentassem coerência pedagógica, como os acertos do Aluno “A”.

Então é melhor deixar uma questão em branco ou “chutar”?

Uma interpretação equivocada do princípio da coerência pedagógica pode levar à conclusão de que é melhor deixar itens em branco do que escolher uma alternativa.

No entanto, o ENEM não aplica uma penalidade aos estudantes que acertam itens ao acaso: o que ele faz é diminuir a pontuação recebida por esses itens – que, mesmo assim, sempre será mais alta do que se ele tivesse deixado o item sem resposta.

Mitos da TRI

Diferentemente do que muitos acreditam, a nota calculada pelo ENEM em cada área do conhecimento não é um número que varia entre zero e 1000, com exceção da nota de redação, que não usa a TRI.

Na verdade, as notas podem assumir qualquer valor real, mas, dependendo das 45 questões que compõem a prova, cada edição do exame apresenta um nível mínimo e um máximo.

Fazendo uma simplificação didática, dizemos que, por exemplo, se a questão mais fácil da prova for de nível 200, um candidato que errou todas as questões provavelmente tem um nível menor do que 200, mas não podemos afirmar que é zero.

Usando a mesma simplificação para os níveis de proficiência mais altos, se a questão mais difícil da prova tem nível 800, afirmaremos que um candidato que acertou todas os itens da prova atingiu nível 800 ou mais.

Veja, na tabela a seguir, a relação das pontuações máximas e mínimas em algumas edições do ENEM e note que, em 2015, a nota máxima em Matemática extrapolou a marca dos 1000 pontos.

Pontuações máximas e mínimas em algumas edições do ENEM. Fonte: Radar ENEM (radarenem.com.br)

Tenha uma estratégia definida

Para maximizar seus resultados na prova, tenha em mente um plano de ação pré-estabelecido. Por exemplo, comece pelas questões mais fáceis (aquelas em que uma primeira leitura já é suficiente para dar uma boa indicação da resposta correta). Assim, você respeita a coerência pedagógica e, provavelmente, irá acertar as questões mais fáceis.

Deixe as perguntas mais difíceis, em que irá gastar de 10 a 15 minutos, para o final. Isso significa que você terá que ler a prova inteira e escolher os itens que irá resolver primeiro, em vez de simplesmente seguir a ordem em que eles aparecem. Mas o resultado tende a ser muito melhor com essa mudança de estratégia.

DICAS NO SEU EMAIL

Receba gratuitamente as últimas notícias dos vestibulares e dicas para o Enem no seu email! Clique aqui e cadastre-se!

RECOMENDAMOS

Destaque

Vestibular Estadual Uerj 2025 abre inscrições para 2º Exame de Qualificação

A prova faz parte do processo seletivo para ingresso nos cursos de graduação da Uerj e acontece no dia 8 de setembro.

Publicado

em

por

Vestibular Estadual Uerj 2022 tem data definida

Começa nesta segunda-feira (15/7) o período de inscrições para o 2º Exame de Qualificação do Vestibular Estadual 2025 da Uerj.

Vestibular Estadual Uerj 2025 – 2º Exame de Qualificação

A prova faz parte do processo seletivo para ingresso nos cursos de graduação da Universidade do Estado do Rio de Janeiro (Uerj) e acontece no dia 8 de setembro.

Podem se candidatar, até o dia 5 de agosto, aqueles que tenham concluído ou estejam cursando o último ano do Ensino Médio, pelo site www.vestibular.uerj.br.

Treine com simulados Online. Clique aqui e resolva agora!

Confira os detalhes e inscreva-se no site do vestibular.

Como funciona o vestibular da Uerj?

O processo seletivo é realizado em 2 fases:

1ª FASE – EXAME DE QUALIFICAÇÃO

  • Estará aberto a candidatos que tenham concluído ou estejam cursando o último ano do ensino médio.
  • Ocorrerá em duas ocasiões durante o ano, sendo obrigatória a realização de pelo menos um dos exames.
  • Não haverá escolha de curso e nem opção pelo sistema de cotas nesta fase.
  • Será realizado por meio de prova de múltipla escolha, comum a todos os candidatos inscritos, visando à aferição de habilidades e competências fundamentais ao exercício pleno da cidadania, aplicadas aos conteúdos básicos de disciplinas agrupadas nas seguintes áreas de conhecimento:
    – Linguagens;
    – Matemática;
    – Ciências da Natureza;
    – Ciências Humanas.
  • Os resultados do Exame de Qualificação serão válidos apenas para o Vestibular Estadual 2025.
  • A aprovação no Exame de Qualificação não implicará a inscrição automática para o Exame Discursivo, sendo obrigatória nova inscrição do candidato, específica para o Exame Discursivo.

2ª FASE – EXAME DISCURSIVO

  • Estará aberto unicamente aos candidatos que tiverem obtido aprovação em pelo menos um dos Exames de Qualificação e que tenham concluído ou estejam cursando o último ano do ensino médio.
  • Haverá escolha do curso e opção pelo sistema de cotas, se for o caso.
  • Será realizado em um único dia e será composto por uma prova de Redação, comum a todos os candidatos, e duas provas de disciplinas específicas de acordo com o curso escolhido pelo candidato, de forma a avaliar competências, habilidades e conteúdos pertinentes aos diferentes cursos.
  • O resultado do processo seletivo para os cursos de graduação da UERJ terá caráter eliminatório e classificatório e será obtido pelo somatório do resultado do Exame Discursivo e da pontuação recebida no Exame de Qualificação, conforme o Edital de Convocação deste Exame.
  • O resultado do Exame Discursivo será válido apenas para o Vestibular Estadual 2025.

DICAS NO SEU EMAIL

Receba gratuitamente as últimas notícias dos vestibulares e dicas para o Enem no seu email! Clique aqui e cadastre-se!

RECOMENDAMOS

Continue lendo

Destaque

Começam hoje, 15, as inscrições para o Vestibular 2025 da UFGD

Este Vestibular da UFGD oferta 979 vagas em cursos presenciais e 480 vagas em cursos a distância para ingresso em 2025

Publicado

em

por

Confira o Resultado do Vestibular UFGD 2021

A Universidade Federal da Grande Dourados (UFGD) abre hoje (15/07), as inscrições para o Vestibular 2025. São oferecidas 979 vagas em cursos presenciais e 480 vagas em cursos a distância.

As provas objetiva e de redação serão aplicadas no dia 20 de outubro, nas cidades de Campo Grande, Dourados, Naviraí, Nova Andradina e Três Lagoas.

Vestibular UFGD 2025

As inscrições poderão ser feitas até o dia 13 de setembro, pela internet.

INSCRIÇÃO GRATUITA

Treine com simulados Online. Clique aqui e resolva agora!

Todos os cursos da UFGD são gratuitos, ou seja, não é necessário pagar taxa de matrícula nem mensalidade. No entanto, para fazer o vestibular é cobrada uma taxa no valor de R$ 120,00, que deve ser paga até 16 de setembro.

Pessoas com renda familiar per capita igual ou inferior a um salário-mínimo e meio, inscritas no Cadastro Único para Programas Sociais do Governo Federal (CadÚnico), indígenas, quilombolas, pessoas com deficiência, transexuais, transgêneros, travestis ou não binários têm direito à isenção da taxa de inscrição. Os candidatos que se enquadram nesses critérios devem se inscrever e solicitar a isenção até 25/08.

Algumas pessoas podem fazer o vestibular sem pagar essa taxa, como, por exemplo, pessoas que possuam renda familiar per capita igual ou inferior a um salário-mínimo e meio ou inscritas no Cadastro Único para Programas Sociais do Governo Federal (CadÚnico). Também têm direito a fazer o vestibular de graça: indígenas, quilombolas, pessoas com deficiência, transexuais, transgêneros, travestis ou não binários.

Os candidatos que se enquadram nesses critérios devem se inscrever e solicitar a isenção até 25 de agosto.

CURSOS PRESENCIAIS

O Vestibular 2025 oferta quase mil vagas para cursos presenciais, ou seja, cursos cujas aulas ocorrem diariamente nas faculdades que ficam na Cidade Universitária de Dourados ou na Faculdade de Direito e Relações Internacionais (FADIR).

Os cursos presenciais da UFGD são: Administração, Agronomia, Artes Cênicas, Biotecnologia, Ciências Biológicas, Ciências Biológicas, Ciências Contábeis, Ciências Econômicas, Ciências Sociais, Direito, Educação Física, Engenharia Agrícola, Engenharia Civil, Engenharia de Alimentos, Engenharia de Aquicultura, Engenharia de Computação, Engenharia de Energia, Engenharia de Produção, Engenharia Mecânica, Física, Geografia, Gestão Ambiental, História, Letras, Matemática, Medicina, Nutrição, Pedagogia, Psicologia, Química, Relações Internacionais, Sistemas de Informação e Zootecnia.

CURSOS EAD

A UFGD oferece cinco opções de cursos na modalidade de ensino a distância. A maior parte das práticas de ensino ocorre de forma online, mas haverão atividades presenciais como encontros, aulas práticas, estágios, atividades relacionadas a laboratórios de ensino, pesquisa, extensão, tutoria, avaliações e defesa de trabalhos de conclusão de curso. Essas atividades presenciais poderão ser desenvolvidas às sextas-feiras, turnos diurno e noturno, e aos sábados, no turno diurno.

Dessa forma, ao optar por se inscrever em um curso EaD, o candidato deve estar ciente que terá que participar das atividades presenciais, que são realizadas nos polos de ensino. Confira a lista de cursos EaD da UFGD e em quais cidades ficam os polos de cada curso:

  • Licenciatura em Letras Libras, polo em Dourados;
  • Bacharelado em Letras Libras com habilitação em tradutor/intérprete em Libras, polo em Dourados;
  • Licenciatura em Ciências Biológicas, polos: Bela Vista, Costa Rica, Miranda ou Porto Murtinho;
  • Licenciatura em Educação Física, polos: Bela Vista, Costa Rica, Paranhos ou São Gabriel do Oeste;
  • Tecnologia em Gestão de Recursos Humanos, polos: Água Clara, Bataguassu, Camapuã, Costa Rica, Miranda ou Rio Brilhante.

DICAS NO SEU EMAIL

Receba gratuitamente as últimas notícias dos vestibulares e dicas para o Enem no seu email! Clique aqui e cadastre-se!

RECOMENDAMOS

Continue lendo

Destaque

Uesb anuncia livros que serão cobrados no Vestibular 2025

Na próxima edição do Vestibular da Uesb, os estudantes terão três livros para mergulhar na leitura.

Publicado

em

por

Vestibular Uesb - vagas sisu

A Literatura abre as portas para um universo de conhecimentos históricos, sociais e culturais que vão além dos livros didáticos. Pensando nisso, o Vestibular Uesb, tradicionalmente, seleciona obras literárias como parte do conteúdo que será cobrado nas provas.

Vestibular Uesb 2025

Na próxima edição do processo seletivo, os estudantes terão três livros para mergulhar na leitura: “Torto Arado” (2019), de Itamar Vieira Junior; “Laços de Família” (1960), de Clarice Lispector; e “Não vou mais lavar os pratos” (2010), de Cristiane Sobral.

Em formato de prosa, o sucesso literário “Torto Arado” continua entre as obras cobradas no Vestibular Uesb. Escrita pelo autor baiano Itamar Vieira Junior, a obra transporta o leitor para o sertão baiano, mais precisamente para a fictícia Fazenda Água Negra. Lá, acompanhamos a saga das irmãs Bibiana e Belonísia, filhas de trabalhadores rurais, desde a infância até a vida adulta. Luta pela terra, memória e ancestralidade, relações familiares, resistência e esperança integram a narrativa.

Treine com simulados Online. Clique aqui e resolva agora!

A escritora Clarice Lispector também está entre os escolhidos deste ano, com o livro de contos “Laços de Família”. A coletânea de 13 contos explora, com sensibilidade, as relações familiares e as complexidades da alma humana. Temas como amor, solidão, morte, incomunicabilidade, alienação e a busca por sentido na vida passeiam pela obra.

O último livro escolhido é “Não vou mais lavar os pratos”. A poesia de Cristiane Sobral tece uma crítica social poderosa, com reflexões sobre a condição da mulher negra na sociedade brasileira. A autora explora temas como racismo, sexismo, violência doméstica, trabalho precário e a luta por reconhecimento e igualdade.

Mais informações sobre o Vestibular Uesb 2025 serão divulgadas em breve. Acompanhe todas as informações do processo seletivo pelo site do Vestibular.

 

DICAS NO SEU EMAIL

Receba gratuitamente as últimas notícias dos vestibulares e dicas para o Enem no seu email! Clique aqui e cadastre-se!

RECOMENDAMOS

Continue lendo