Siga-nos!

Destaque

Confira os cronogramas do Sisu, Prouni e Fies 2023

Em datas próximas às da abertura de inscrições de cada seleção, o MEC divulgará os quantitativos de vagas a serem ofertadas em cada programa

Publicado

em

Confira os cronogramas do Sisu, Prouni e Fies 2023

O Ministério da Educação (MEC) divulgou os editais com os cronogramas dos processos seletivos para o segundo semestre de 2023 do Sistema de Seleção Unificada (Sisu), Programa Universidade para Todos (Prouni) e Fundo de Financiamento Estudantil (Fies). Os documentos foram publicados na edição de quarta-feira (7) do Diário Oficial da União.

Em datas próximas às da abertura de inscrições de cada seleção, o MEC divulgará os quantitativos de vagas a serem ofertadas em cada programa, no Portal Único de Acesso ao Ensino Superior. As inscrições são gratuitas.

A classificação em todos os três processos seletivos será realizada com base na nota obtida na edição de 2022 do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem), sendo que, para o Prouni, serão válidas também as notas obtidas no Enem de 2021. Para os interessados em se inscrever no Fies, serão válidas as notas do Enem, a partir de 2010.

Sisu

Treine com simulados Online. Clique aqui e resolva agora!

O período de inscrição para o Sisu será de 19 a 22 de junho e o resultado será divulgado no dia 27 deste mês. O Sisu é o programa do MEC que reúne as vagas ofertadas por instituições públicas de ensino superior de todo o Brasil, sendo a maioria delas ofertada por instituições federais – universidades e institutos.

As vagas são abertas semestralmente por meio de um sistema informatizado que executa a seleção dos estudantes com base na nota do Enem, de acordo com as escolhas dos candidatos inscritos. Para isso, o candidato não pode ter tirado zero na redação.

O estudante escolhe até duas opções de curso dentre as ofertadas em cada processo seletivo do Sisu. É possível alterar as opções de curso durante todo o período de inscrições, sendo que a inscrição válida será a última registrada no sistema. Quem não for selecionado em nenhuma das duas opções de curso ainda pode disputar uma das vagas por meio da lista de espera do Sisu. Para isso, é preciso manifestar interesse em participar da lista.

As vagas ofertadas também são distribuídas conforme a Lei de Cotas (Lei nº 12.711/2012) que determina que as instituições federais de educação superior vinculadas ao MEC reservarão, em cada concurso seletivo para ingresso nos cursos de graduação, por curso e turno, no mínimo 50% de suas vagas para estudantes que tenham cursado integralmente o ensino médio em escolas públicas, sendo metade delas reservadas para aqueles oriundos de famílias com renda igual ou inferior a 1,5 salário mínimo per capita (renda por cabeça).

As instituições podem adotar as próprias políticas e ações, como vagas reservadas e aplicação de bônus sobre a nota do candidato que atenda ao perfil indicado pela instituição. De acordo com as especificações da instituição, o Sisu faz o cálculo automaticamente e gera uma nova nota.

Prouni

Em 27 de junho serão abertas as inscrições para o Prouni, que podem ser realizadas até o dia 30 deste mês. O resultado será divulgado em duas chamadas: a primeira será publicada no dia 4 de julho e a segunda no dia 24 do mesmo mês.

Para quem não for selecionado nas chamadas regulares, o programa oferece ainda a oportunidade de participar da lista de espera. Para isso, o estudante deve manifestar o interesse.

O Prouni é o programa do governo federal que oferece bolsas de estudo, integrais e parciais (50%), em instituições particulares de educação superior, para cursos de graduação e sequenciais de formação específica.

Para se inscrever é preciso que o candidato tenha feito uma das duas últimas edições do Enem, tenha alcançado, no mínimo, 450 pontos de média nas notas e não tenha tirado zero na redação. No caso de o participante ter feito as duas últimas edições do Enem, será considerado aquele com a melhor média de notas.

Para ter acesso à bolsa integral, o estudante deve comprovar renda familiar bruta mensal de até 1,5 salário mínimo por pessoa. Para a bolsa parcial, a renda familiar bruta mensal deve ser de até três salários mínimos por pessoa.

O público-alvo do programa é o estudante sem diploma de nível superior. Professores da rede pública de ensino também podem disputar uma bolsa, exclusivamente para os cursos de licenciatura e pedagogia, destinados à formação do magistério da educação básica. Nesse caso, não se aplica o limite de renda exigido dos demais candidatos.

Fies

Já o prazo de inscrições para o Fies é de 4 a 7 de julho; e o resultado – em chamada única – será divulgado no dia 11 de julho.

Para os estudantes que tiveram a inscrição postergada de processos seletivos do Fies, anteriores a essa edição para o segundo semestre, a complementação da inscrição na página do Fies deverá ser de 14 a 16 de junho e estará condicionada ao atendimento dos demais requisitos, prazos e procedimentos para a concessão do financiamento, nos termos dos normativos vigentes do Fies.

O Fies é o programa do governo federal que tem o objetivo de facilitar o acesso ao crédito para financiamento de cursos de ensino superior oferecidos por instituições privadas aderentes ao programa. Criado em 1999, ele é ofertado em duas modalidades desde 2018, com juros zero a quem tem menor renda e em uma escala de financiamento que varia conforme a renda familiar do candidato.

Para participar, o candidato precisa ter feito o Enem, a partir da edição de 2010, ter obtido média nas provas igual ou superior a 450 pontos e não ter zerado a redação. Também é necessário possuir renda familiar mensal bruta, por pessoa, de até três salários mínimos.

Quem é bolsista parcial do Prouni também pode participar do processo seletivo do Fies e financiar a parte da mensalidade que não é coberta pela bolsa, desde que se enquadre nas condições previstas no edital.

Fonte: Agência Brasil

DICAS NO SEU EMAIL

Receba gratuitamente as últimas notícias dos vestibulares e dicas para o Enem no seu email! Clique aqui e cadastre-se!

RECOMENDAMOS

Destaque

Tradição e qualidade do ensino, são marcas registradas da Graduação em Direito da PUC-SP

São mais de 70 anos de história, formando os advogados mais admirados do Brasil.

Publicado

em

por

A graduação em Direito da PUC-SP é uma das mais reconhecidas do país e tem altos índices de aprovação no exame da OAB, segundo o Anuário Análise Advocacia, forma a maioria dos advogados mais admirados do Brasil e profissionais entre os mais admirados da área jurídica. O curso recebeu o selo OAB Recomenda, certificação que reconhece aqueles com índices elevados de qualidade, a partir de análises como a aprovação no exame da OAB e dados do Enade, o Exame Nacional de Desempenho dos Estudantes.

Mercado de trabalho e estágios

A Faculdade de Direito dispõe de uma coordenação de estágio, com professores responsáveis por auxiliar os estudantes na prática jurídica.
O estágio curricular deve ser realizado em instituições públicas ou privadas, conveniadas à Universidade. Os alunos também devem atuar no Escritório Modelo Dom Paulo Evaristo Arns e no Juizado Especial Cível.

Atualmente, mais de 50% dos alunos do curso estagiam, a maioria em órgãos públicos, como o Tribunal de Justiça do Estado de São Paulo e a Defensoria Pública do Estado. Os estudantes também estão presentes em escritórios de advocacia de maior destaque, entre eles Machado Meyer Advogados, Mattos Filho, Pinheiro Neto Advogados e Tozzini Freire Advogados, segundo o último ranking da Análise Advocacia, que classifica os escritórios e advogados mais admirados do Brasil.

Trabalho Social

Treine com simulados Online. Clique aqui e resolva agora!

O Escritório Modelo Dom Paulo Evaristo Arns é um núcleo extensionista, vinculado à Faculdade de Direito, e sintetiza a experiência acumulada de quase uma década de existência, com relevante história de mobilização e ação em defesa da dignidade humana, expressando uma longa jornada de ações e reflexões jurídicas e multiprofissionais, que têm suas raízes no olhar filosoficamente alargado e compreensivo sobre a vida e suas relações de sustentabilidade. Trata-se de escritório voltado à prestação de serviços de assistência jurídica e judiciária, através do qual os alunos do curso de Direito da PUC-SP podem aprender o exercício do Direito nas mais diversas áreas de atuação: Advocacia, Magistratura, Ministério Público, Procuradoria do Estado, Defensoria Pública, Delegado de Polícia, dentre outras. O estudante aprende na prática a profissão, especialmente a mediação de conflitos e conciliação.
Acesso a portais de periódicos científicos

A PUC-SP possui laboratórios para pesquisas, que auxiliam no desenvolvimento científico e na prática jurídica. Os discentes da graduação em Direito têm acesso a mais de 49 mil periódicos nacionais e estrangeiros em texto completo. Entre as principais fontes de informação estão o Portal de Periódicos da CAPES; a Revista dos Tribunais Online e o Portal de Revistas Científicas da PUC-SP, além de mais de 240 bases de dados e referências com resumos de artigos científicos. Tanto os livros digitais quanto os periódicos podem ser acessados dentro e fora da instituição, a qualquer dia e hora, mediante uso de login e senha individuais. Os estudantes também podem acessar mais de diversos e-books e a Enciclopédia Jurídica da PUC-SP, que já teve mais de cinco milhões de visualizações.

Intercâmbio

O curso de Direito da PUC-SP tem acordos de intercâmbio acadêmico com 57 instituições de ensino superior de 25 países.

Clique aqui para conhecer a grade curricular, valor da mensalidade e corpo docente do curso de Direito da PUC-SP.

Continue lendo

Destaque

Inscrições para o Enem 2024 começam hoje (26)

As provas do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) 2024 serão aplicadas nos dias 3 e 10 de novembro.

Publicado

em

por

Enem 2024

Começa nesta segunda-feira (27) e vai até 7 de junho o período de inscrições para o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) 2024. No Rio Grande do Sul, devido à calamidade pública no estado, haverá um calendário estendido, que ainda será divulgado pelo Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep).

As provas serão aplicadas nos dias 3 e 10 de novembro. Para se inscrever, os estudantes devem acessar a Página do Participante e utilizar o cadastro na conta gov.br.

Os resultados dos recursos sobre a isenção da taxa de inscrição foram divulgados na última sexta-feira (24), assim como dos recursos que tratam das justificativas de ausência no Enem 2023, para candidatos que estavam isentos da taxa e faltaram às provas.

Treine com simulados Online. Clique aqui e resolva agora!

A taxa de inscrição custa R$ 85 e poderá ser paga até o dia 12 de junho. Os moradores do Rio Grande do Sul também terão isenção desse valor.

Criado em 1998, o Enem avalia o desempenho escolar dos estudantes ao término da educação básica e também é a principal porta de entrada para a educação superior no país. Os resultados da avaliação podem ser usados para acesso ao Sistema de Seleção Unificada (Sisu) e ao Programa Universidade para Todos (ProUni). Também são aceitos em instituições privadas e de outros países de língua portuguesa que tenham acordo com o Brasil.

Os estudantes que não concluíram o ensino médio também podem participar na condição de treineiros, para autoavaliação nos anos anteriores ao término da educação básica.

Fonte: Agência Brasil 

DICAS NO SEU EMAIL

Receba gratuitamente as últimas notícias dos vestibulares e dicas para o Enem no seu email! Clique aqui e cadastre-se!

RECOMENDAMOS

Continue lendo

Destaque

Quando sai o resultado da 1ª fase do vestibular de meio de ano da Unesp?

A Universidade Estadual Paulista (Unesp) aplicou em 26 de maio, domingo, a prova da 1ª fase do Vestibular Meio de Ano 2024.

Publicado

em

por

Lista de Aprovados - Vestibular Unesp 2023

A Universidade Estadual Paulista (Unesp) aplicou em 26 de maio, domingo, a prova da primeira fase do Vestibular Meio de Ano 2024, com 1.675 candidatos para 160 vagas nos cursos das engenharias agronômica (10 candidatos por vaga), civil (6,7), elétrica (5,5) e mecânica (6,8) de Ilha Solteira.

Resultado Vestibular Unesp – 1ª fase

O calendário do Vestibular Unesp Meio de Ano 2024 prevê publicação do resultado da primeira fase em 14 de junho, aplicação da segunda fase em 23 e 24 de junho e divulgação do resultado final em 12 de julho.

Os candidatos podem consultar no site da Fundação Vunesp (www.vunesp.com.br), responsável pela seleção.

DICAS NO SEU EMAIL

Treine com simulados Online. Clique aqui e resolva agora!

Receba gratuitamente as últimas notícias dos vestibulares e dicas para o Enem no seu email! Clique aqui e cadastre-se!

RECOMENDAMOS

Continue lendo