Siga-nos!

Destaque

Enem 2020 tem 6.121.363 de inscritos. Veja mais detalhes

Do total de inscritos, 65% concluíram o ensino médio em anos anteriores

Publicado

em

Pedidos de isenção da taxa de inscrição do Enem 2020 - Exame Nacional do Ensino Médio

O Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) 2020 tem 6.121.363 de inscritos, sendo 6.020.263 para a aplicação da prova impressa e 101.100 para a versão digital. Do total de inscritos, 65% concluíram o ensino médio em anos anteriores, 23% são concluintes e 12% são “treineiros”, geralmente estudantes da 1ª ou 2ª série do ensino médio.

Enem 2020

O percentual de 23% dos concluintes representa 1.406.323 inscritos. Desses, 81,7% (1.149.759) estão matriculados atualmente em escolas públicas, número 11,2% maior do que o registrado em 2019. Esses dados são indicados pelos próprios participantes na hora da inscrição.

A maioria dos 6,1 milhões de inscritos (78%) não precisou pagar a taxa do exame. Nesta edição, quem se enquadrou nos critérios de isenção previstos nos editais foi contemplado automaticamente, sem a necessidade de fazer a solicitação no sistema. Para os demais, a cobrança é de R$ 85, mesmo valor do ano passado.

Treine com simulados Online. Clique aqui e resolva agora!

Para que a inscrição seja confirmada, os interessados em fazer o exame que não têm direito à gratuidade precisam efetuar o pagamento da taxa. Por isso, nos próximos dias, o Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) divulgará novo balanço dos inscritos confirmados para a prova e o número poderá variar.

Aplicação da prova

Com a pandemia do novo coronavírus, o Ministério da Educação (MEC) e o Inep decidiram adiar as provas impressa e digital, marcadas para novembro. A definição ainda passará por consulta aos inscritos, em junho deste ano. A ideia é que os participantes escolham o melhor período.

Novidades

De forma inovadora, o Inep lançou o Enem Digital no ano passado. A proposta, que começou com o anúncio de 50 mil vagas para a edição de 2020, dobrou para 100 mil. Nos primeiros dias de abertura do prazo de inscrição, neste mês, a procura pela versão eletrônica foi superada, atingindo 101.100 pedidos.

Além dessa inovação, o Enem está mais inclusivo. Pela primeira vez, pessoas com deficiência visual terão o suporte de um software específico que vai converter o texto da prova em voz. Com esse recurso, pessoas com cegueira, surdocegueira, baixa visão ou visão monocular terão mais autonomia, porque poderão ler a prova na ordem em que desejarem, repetir a leitura quantas vezes considerarem necessário ou retomar uma questão no ponto em que escolherem.

Também são novidades da edição deste ano:

  • cegos, surdocegos, com baixa visão ou visão monocular poderão solicitar recurso para uso de leitor de tela;
  • surdocegos serão atendidos por três guias-intérpretes, que se revezam durante a aplicação;
  • haverá banca especializada para corrigir as provas de participantes surdos, portadores de dislexia e autistas;
  • participante com deficiência visual terá a possibilidade de escrever sua redação em braile e terá as provas corrigidas no Sistema Braile;
  • haverá tempo adicional de 60 minutos para lactantes que solicitarem atendimento especializado na inscrição, desde que comprovem a necessidade, conforme previsto em edital.

Acesse a Página do Participante do Enem

DICAS NO SEU EMAIL

Receba gratuitamente as últimas notícias dos vestibulares e dicas para o Enem no seu email! Clique aqui e cadastre-se!

RECOMENDAMOS

Destaque

Arquitetura e Urbanismo um curso de graduação que combina criatividade, inovação e responsabilidade ambiental

Criatividade, Sustentabilidade e Tecnologia: seja um arquiteto e urbanista inovador que soluciona os desafios da atualidade!

Publicado

em

por

A Arquitetura e o Urbanismo no Brasil têm uma história rica e variada, que vai desde a época da colonização portuguesa até os dias de hoje. Cada fase trouxe influências diferentes, criando um cenário cheio de arte e inovação.

Os desafios da Arquitetura e Urbanismo no país são muitos e complexos, exigindo soluções inovadoras e uma abordagem integrada. É fundamental que governo, sociedade e profissionais da área estejam à frente e trabalhem juntos para construir cidades mais justas, sustentáveis e inclusivas. A busca por soluções que melhorem a qualidade de vida urbana, preservem o meio ambiente e respeitem o patrimônio cultural é crucial para o futuro das cidades brasileiras.

Desafios da Atualidade

O Urbanismo no Brasil enfrenta vários desafios, como o rápido crescimento das cidades, a desigualdade social e a necessidade de infraestrutura adequada. Grandes cidades, como São Paulo e Rio de Janeiro, lidam com questões complexas, como transporte, habitação e a integração de comunidades.
Legislações como o Estatuto da Cidade, de 2001, buscam promover um desenvolvimento urbano mais inclusivo e sustentável, pensando no equilíbrio ambiental, no bem coletivo, na segurança e no bem-estar de todos.

Crescimento Urbano Desordenado

Treine com simulados Online. Clique aqui e resolva agora!

O crescimento rápido e muitas vezes desordenado das cidades brasileiras é um dos maiores desafios. A urbanização acelerada, especialmente nas últimas décadas, resultou em áreas periféricas mal planejadas, com infraestrutura inadequada e falta de serviços básicos. Isso leva a problemas como engarrafamentos, falta de saneamento e dificuldade de acesso a serviços de saúde e educação.

Desigualdade Social

A desigualdade social é um problema persistente no Brasil e se reflete na forma como as cidades são estruturadas. Áreas ricas e bem planejadas convivem ao lado de comunidades e bairros carentes, onde a falta de infraestrutura é evidente. Essa segregação espacial gera exclusão social e dificulta a integração e o desenvolvimento urbano sustentável.

Mobilidade Urbana

O transporte público muitas vezes não é eficiente ou abrangente o suficiente para atender às necessidades da população. Isso resulta em um uso excessivo de veículos particulares, contribuindo para congestionamentos, poluição do ar e aumento dos tempos de deslocamento. Melhorar a mobilidade e o transporte público e promover modos de deslocamento sustentáveis, como ciclismo e caminhadas, são metas importantes.

Sustentabilidade Ambiental

As cidades brasileiras precisam se adaptar às mudanças climáticas, melhorar a eficiência energética e reduzir a emissão de gases de efeito estufa. Projetos de construção sustentável e urbanismo verde, que incluem áreas verdes, telhados verdes, jardins de chuva e o uso de materiais ecológicos, estão ganhando destaque, mas ainda há muito a ser feito.

Patrimônio Histórico

Muitas cidades brasileiras possuem um rico acervo de edifícios históricos que precisam ser preservados e integrados ao desenvolvimento urbano moderno. A falta de recursos e a pressão por novos empreendimentos podem levar à deterioração ou destruição de patrimônios culturais importantes.

Infraestrutura e Serviços Básicos

A infraestrutura deficiente e a falta de serviços básicos em muitas áreas urbanas e rurais são problemas graves. Isso inclui a necessidade de melhorias em saneamento básico, abastecimento de água, energia elétrica e serviços de saúde. A falta desses serviços essenciais impacta negativamente a qualidade de vida e a saúde da população.

Planejamento Urbano Integrado

Cidades crescem sem um planejamento adequado, resultando em uso ineficiente do solo e problemas de conectividade. Planos diretores e políticas urbanas que considerem a participação da comunidade e a integração de diferentes setores são essenciais para um desenvolvimento urbano sustentável.

E aí, está preparado(a) para solucionar problemas tão complexos?

A visão da Mauá na construção e a integração de edificações ao contexto urbano vem da base sólida da Engenharia Civil e da base criativa e artística do Design. Isso significa que, ao criar projetos inovadores, você se apoiará na compreensão aprofundada das estruturas, materiais e soluções que garantem qualidade dos ambientes que cria, considerando também a harmonia, estética e bem-estar com o entorno urbano.

Seja parte da transformação em direção a um mundo construído de maneira melhor e mais criativa. Seu futuro começa aqui, onde a Arquitetura encontra a Tecnologia e a Inovação! maua.br/vestibular

Continue lendo

Destaque

Vestibular Medicina FAMINAS 2024: última semana de inscrições pela prova presencial

Você sonha em estudar Medicina em uma das faculdades mais renomadas de Minas Gerais? Sua chance é agora!

Publicado

em

por

Você sonha em estudar Medicina em uma das faculdades mais renomadas de Minas Gerais? Sua chance é agora!

As inscrições para o Vestibular de Medicina da FAMINAS ainda estão abertas! Mas atenção: esta é a última semana para garantir sua candidatura POR AQUI!

O término das inscrições acontecerá no dia 31 de maio, e o exame será aplicado no dia 8 de junho, com opção de realização nas cidades de Belo Horizonte, Muriaé, Governador Valadares, Campos dos Goytacazes, Montes Claros, Vitória e Goiânia.

Treine com simulados Online. Clique aqui e resolva agora!

O processo é unificado: a inscrição pode valer tanto para a unidade da FAMINAS em Belo Horizonte quanto para Muriaé (com o valor de R$450,00), ou para somente uma das unidades a critério do vestibulando (valor R$350,00).

Dê um passo no caminho para realizar o seu sonho! Faça sua inscrição no Vestibular de Medicina da FAMINAS por AQUI!

Ainda tem alguma dúvida sobre o processo ou sobre a FAMINAS? Converse com nosso time pelo WhatsApp (31) 2126-3100 ou pelo e-mail vestibular@faminas.edu.br.

Medicina FAMINAS: um mundo de possibilidades

Na sua trajetória durante o curso, você irá:

• Imergir completamente na área médica, com laboratórios tecnológicos e inovadores.
• Aprender da teoria à prática.
• Participar de projetos de extensão e iniciação científica.
• Desenvolver atividades junto à comunidade.
• Ter contato com professores especialistas nas áreas.
• Adquirir vivência na área através de estágios em hospitais e clínicas.
• Ganhar a oportunidade de fazer intercâmbios nacionais e internacionais.
• Ser o agente transformador que a sociedade precisa.

 

Continue lendo

Destaque

Vestibular PUC-SP Inverno 2024: inscrições abertas

São duas modalidades de acesso: prova presencial e nota do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem)

Publicado

em

por

Estão abertas, até 4/6, as inscrições para o Vestibular PUC-SP Inverno 2024. Serão duas modalidades de acesso: prova presencial e nota do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem).

Vestibular PUC-SP Inverno 2024

A prova será no dia 16/6, e a primeira chamada ocorre em 2/7, às 18h.

A taxa de Inscrição:

Treine com simulados Online. Clique aqui e resolva agora!

• Prova Presencial – R$ 100,00 (cem reais)
• Enem – R$ 80,00 (oitenta reais)

Clique aqui para saber mais.

Continue lendo