Siga-nos!

O que cai de Filosofia e Sociologia no ENEM?

Professores do Maximize dão dicas sobre os temas mais cobrados e também orientações para a prova do ENEM

Publicado

em

Há exatos dez anos (julho de 2006), aconteceu a aprovação do Parecer n°38 do CNE/CEB (Conselho Nacional de Educação/ Câmara de Educação Básica), que dispôs sobre a obrigatoriedade da inclusão das disciplinas de filosofia e sociologia no currículo do Ensino Médio. Dois anos depois, em junho de 2008, foi finalmente sancionada a Lei 11.684, que o texto do Artigo 36 da LDB (Lei de Diretrizes e Bases), instituindo a obrigatoriedade dessas duas disciplinas.

Filosofia e sociologia compunham o currículo escolar até 1971, quando foram extintas pelo governo militar e substituídas pela disciplina de Educação Moral e Cívica. Portanto, o processo de restabelecimento dessas disciplinas na grade escolar, ocorrido na última década, representa uma luta importantíssima do regime democrático. Conforme colocado por Caio Costa, professor de Sociologia do Cursinho Maximize, “a inserção dessas duas disciplinas permite a discussão de temas que damos por naturalizados na nossa sociedade. Ao levantarmos o véu da realidade, entendemos as estruturas e os mecanismos que geram nossa sociedade e nossa cultura. Só conseguimos levantar esse véu com a construção de um senso crítico e as disciplinas de sociologia e filosofia nos dão instrumentos para fazer isso”. Alexandre Linares, também professor de Ciências Humanas do Cursinho Maximize, lembra que “a introdução da sociologia e da filosofia no Ensino Médio é produto de uma enorme luta de educadores para ampliação do currículo para a reflexão filosófica e social. Poder entrar em debates sobre a razão e o ser social em sala de aula, sobre o funcionamento da sociedade e os problemas que enfrentamos, é um avanço enorme”.

Logo após a sanção da Lei, em 2008, o MEC divulgou as alterações no formato do modelo do ENEM, o Exame Nacional do Ensino Médio, que já vinha numa trajetória de crescimento em termos de quantidade de alunos avaliados e também de possibilidades de uso da nota. A nova matriz de competências e habilidades do Exame, que passou a valer a partir de 2009 (“Novo ENEM”), passou a valorizar ainda mais as temáticas ligadas à sociologia e filosofia. “O ENEM de certa forma funcionou como um pé-de-cabra para forçar a introdução curricular destes assuntos. Isso foi extremamente positivo. De temas da redação a inúmeras questões de humanas que vão da Grécia Clássica à Revolução Industrial, a filosofia e a sociologia se encontram no aprendizado e na formação do cidadão”, coloca Linares.

De 2009 até agora, já vimos uma quantidade bastante grande de questões de filosofia e sociologia serem cobradas no Exame. Muitas vezes uma mesma questão aborda um tema que é discutido em mais de uma disciplina, como história e filosofia ou geografia e sociologia, por exemplo. Como lembra Linares, as questões da prova de ciências humanas e suas tecnologia buscam ser interdisciplinares. Mesmo com a transição do tipo da prova nos últimos anos (ela tem se tornado mais conteudista desde a saída de Fernando Haddad do MEC), os assuntos abarcados pela filosofia e sociologia estão fortemente presentes. Mesmo a última proposta de redação, cujo tema foi a persistência da violência contra a mulher, trouxe um debate fundamental da sociologia e antropologia, o entendimento das raízes do machismo na cultura humana. Para além dos conteúdos próprios discutidos nessas duas disciplinas, as capacidades cognitivas de reflexão, comparação, análise, crítica, entre outras, desenvolvidas pelo estudo dessas disciplinas, contribuem para uma melhor compreensão e desempenho nas outras disciplinas e áreas do conhecimento também. O professor Caio ressalta que “o aluno que estuda sociologia e filosofia possui a vantagem de perceber as discussões que estão por trás das questões de Humanidades. Por exemplo, uma questão que discute o papel do Estado em um processo histórico específico, será mais facilmente acertada por um aluno que tenha entendido as propostas clássicas, absolutistas, liberais e marxistas sobre esse papel”.

Portanto, está mais do que claro que o vestibulando precisa olhar para a filosofia e para a sociologia com mais atenção do que nunca e, assim, além de melhorar sua postura como cidadão, conseguirá alcançar uma pontuação maior no ENEM.

Porém, como as disciplinas são relativamente novas, muitas vezes o estudante fica um pouco perdido e não sabe por onde começar. Por isso pedimos, para os professores do Maximize, dicas de estudo, dicas sobre os temas mais cobrados e também orientações para a prova. Confira abaixo essas informações valiosas!

SOCIOLOGIA NO ENEM

Prof. Caio Costa

Que dica você daria para quem vai começar a estudar Sociologia agora? Por onde começar?

O entendimento em sociologia é maior a partir da leitura, é ela que permite a reflexão durante o aprendizado. Eu sugiro o livro “Um toque de Clássicos” de Tânia Quintaneiro para um primeiro contato com a sociologia.

Quais são os temas mais frequentes da disciplina de Sociologia na prova?

O ENEM cobra a sociologia em três eixos. O primeiro é o da identidade cultural e dos movimentos sociais, como os grupos sociais interagem dentro da sociedade e como a transformam. O segundo é sobre democracia e formação do estado. A prova cobra, muitas vezes, que o aluno saiba como o Estado brasileiro é formado e como os direitos são dispostos, o conhecimento da estrutura política nacional e suas influências é fundamental. O terceiro é o mundo do trabalho e da produção, como a configuração econômica tem impacto em nossa sociedade. Além das questões puramente de sociologia, existem as interdisciplinaridades. A sociologia pode aparecer nas questões de História, Geografia ou Literatura, uma vez que ela propõe um método científico de análise da sociedade. Ainda, o conhecimento em sociologia pode ser cobrado indiretamente na redação. Por exemplo, os últimos temas da redação poderiam ser tratados com abordagem sociológica. Na prova do ano passado, por exemplo, cuja tema de redação era a persistência da violência contra a mulher, o aluno poderia falar sobre o feminismo como movimento social, o papel da mulher na sociedade contemporânea ou a violência estrutural contra a mulher.

Quais são os autores mais cobrados nas questões de Sociologia do ENEM?

Os autores mais cobrados em sociologia são os três clássicos: Émile Durkheim, Karl Marx e Max Weber. Eles aparecem de maneira direta ou indireta, já que é a partir de seus estudos e conceitos que os trabalhos dos outros sociólogos se desenvolvem.

Quais livros, sites e filmes você indica para quem quer se aproximar desses temas?

Recomendo três filmes que abordam temas sociológicos de forma distinta. O Enigma de Kasper Hauser de Werner Herzog, que discute o processo de socialização, o filme Quando ela volta de Anna Muylaert, que discute o preconceito velado e as relações de trabalho no Brasil e Jimmys Hall de Ken Loach, que discute a organização popular e a influência de uma sociedade tradicional.

Recomendo a leitura do livro “1984” de George Orwell, que narra uma sociedade distópica e totalitária e o livro “A Hora da Estrela” de Clarisse Lispector, que discute as relações sociais em uma sociedade em modernização.

Os sites que recomendo são: USP ensina sociologia, feito pelo departamento de Sociologia da FFLCH/USP, que conta com produção de alunos da licenciatura em sociologia para estudantes de sociologia do ensino médio e pré-vestibular; Resumo da obra, do cientista social Rolf Amaro, que discute os textos clássicos das Humanidades utilizando trechos dos livros originais.

FILOSOFIA NO ENEM

Prof. Edmilson Bello

Que dica você daria para quem vai começar a estudar Filosofia agora? Por onde começar?

A disciplina de Filosofia, bem como a de Sociologia, está intimamente associada à de História. Portanto, o primeiro passo para um bom estudo dos pensadores e de suas ideias filosóficas é conhecer o período histórico em que se inserem. Em seguida, deve-se conhecer suas principais ideias para daí, finalmente, estabelecer as relações entre essas ideias e a sociedade de seu tempo, se elas legitimam o “status quo” ou se o questionam.

Quais são os temas e os autores mais frequentes da área de Filosofia na prova?

As provas do ENEM vêm mudando desde 2009, tornando-se mais conteudistas. Anteriormente, mesmo que o candidato não possuísse um conhecimento específico, pela leitura e intelecção do texto do enunciado, poderia encontrar a alternativa correta. Nas provas mais recentes, essa situação torna-se cada vez mais rara, embora não tenha sido totalmente abandonada. Dessa forma, é importante não só desenvolver a capacidade de intelecção de textos, mas também conhecer com um nível razoável os conteúdos mais cobrados, que são os seguintes:

a) Pré-Socráticos: o surgimento da Filosofia como explicação racional do mundo e a superação da explicação mítica;

b) Sócrates, Platão e Aristóteles: suas concepções éticas, epistemológicas (como se forma e se alcança o conhecimento) e políticas;

c) Sto Agostinho e S. Tomás de Aquino: as relações entre Fé e Razão em cada um deles;

d) Pensadores da Ciência Moderna, destacando-se Descartes, Hume, Kant e Newton;

e) Pensadores Políticos da Modernidade: Maquiavel, Hobbes e Bossuet;

f) Pensadores Políticos do Iluminismo: Locke, Voltaire, Monstesquieu e Rousseau;

g) Pensadores Contemporâneos: Hegel, Marx, Nietzsche.

Esses são os principais filósofos cobrados no ENEM, e dentro das áreas da Filosofia, um maior enfoque é dado às questões políticas e epistemológicas.

Quais livros, sites e filmes você indica para quem quer se aproximar desses temas?

Como leituras, dois excelentes livros introdutórios são “O Mundo de Sofia”, de Jostein Gaardner, e “Convite à Filosofia”, de Marilena Chauí.

Como sites, sugiro dois blogs e um site. São eles:

a) Blog “Filosofia no Ensino Médio”

b) Blog “Café com Filosofia” (https://filosofojr.wordpress.com/);

c) Site “Domínio Público”, que reúne textos originais, por autor, que já estejam sob domínio público.

Finalmente, alguns bons filmes que abordam questões filosóficas: Matrix, Solaris, 2001 – Uma Odisseia no Espaço, Blade Runner e Transcendence, todos de ficção científica; O Show de Truman, O Nome da Rosa, Germinal e Tempos Modernos, dentre muitos outros.

Clique aqui para ter acesso às 82 questões de Filosofia e Sociologia que já caíram no ENEM (de 2009 a 2015).

Conteúdo cedido pelo Cursinho Maximize.

DICAS NO SEU EMAIL

Receba gratuitamente as últimas notícias dos vestibulares e dicas para o Enem no seu email! Clique aqui e cadastra-se!

RECOMENDAMOS

Destaque

Resultado do Prouni 2022 – 2º semestre

Publicado

em

por

Resultado do Prouni 2022 - 1ª chamada

As inscrições para o Programa Universidade para Todos (Prouni) do segundo semestre de 2022 terminaram na última sexta-feira, 05 de agosto. Nessa edição são ofertadas mais de 190 mil bolsas de estudo. O resultado do Prouni é divulgado em duas chamadas: a primeira sairá hoje, dia 9 de agosto, e a segunda, no dia 22 de agosto.

Resultado do Prouni 2022/2

A consulta pode ser feita no site: https://acessounico.mec.gov.br/prouni

Cronograma

Inscrições: 1º a 5 de agosto

Resultado da 1ª chamada: 9 de agosto

Comprovação das informações: 9 a 17 de agosto

Resultado da 2ª chamada: 22 de agosto

Comprovação das informações da 2ª chamada: 22 a 31 de agosto

Lista de espera: 5 a 6 de setembro

Resultado da lista de espera: 9 de setembro

Comprovação das informações: 10 a 16 de setembro

Assessoria de Comunicação Social do MEC informações da SESU.

Sobre o Prouni

Podem participar do processo seletivo candidatos brasileiros sem diploma de curso superior, que tenham realizado as edições de 2021 e/ou de 2020 do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem), sendo considerada a edição com a melhor média de notas. É necessário atingir, no mínimo, 450 pontos na média das notas e não ter zerado a redação. Outra exigência é a de não ter participado do Enem na condição de treineiro.

É necessário observar também os critérios de renda, que não foram alterados: para concorrer à bolsa integral, o candidato deve comprovar renda familiar bruta mensal, por pessoa, de até um salário mínimo e meio; e para a bolsa parcial (50%), a renda familiar bruta mensal deve ser de até três salários mínimos por pessoa da família.

DICAS NO SEU EMAIL

Receba gratuitamente as últimas notícias dos vestibulares e dicas para o Enem no seu email! Clique aqui e cadastra-se!

RECOMENDAMOS

Continue lendo

Notícias dos Vestibulares e Enem

Univali abre vagas para nove cursos de licenciatura com bolsas de 100%

Serão ofertadas 40 vagas para cada curso, sendo 30 bolsas de 100% e o repasse mensal de R$ 500,00 para o custeio de despesas

Publicado

em

por

Univali abre inscrições para o Opção Profissional por Área (OPA) 2021

A Universidade do Vale do Itajaí (Univali) iniciou o processo seletivo para nove cursos de licenciatura com bolsas de 100% para o 2º semestre de 2022. São 360 vagas para os cursos de Ciências da Religião, Educação Especial, Letras Inglês, Matemática, Pedagogia, Sociologia e Tecnologia Educacional nos campi Itajaí e Florianópolis.

Serão ofertadas 40 vagas para cada curso, sendo 30 bolsas de 100% e o repasse mensal de R$ 500,00 para o custeio de despesas relacionadas a materiais, transporte e alimentação via programa de bolsas, além de outras 10 bolsas de 100% para cada curso custeadas pela Univali.

Para concorrer a uma das vagas o candidato deve estar cadastrado no site no programa de bolsas no segundo semestre de 2022, ter cursado todo o Ensino Médio na rede pública ou em instituição privada com comprovação de bolsa integral e residir no mínimo há 2 anos em Santa Catarina.

A inscrição deve ser realizada até o dia 18 de agosto. A relação dos alunos classificados será divulgada no dia 26 de agosto e as aulas começam no dia 1 de setembro. O edital com as informações sobre os cursos, documentos necessários para inscrição e os prazos de cada etapa do processo seletivo está disponível aqui.

Vagas:

CIÊNCIAS DA RELIGIÃO – 40 vagas Itajaí e 40 vagas Florianópolis

EDUCAÇÃO ESPECIAL – 40 vagas Florianópolis

LETRAS INGLÊS – 40 vagas Itajaí

MATEMÁTICA – 40 vagas Florianópolis

PEDAGOGIA – 40 vagas Florianópolis

SOCIOLOGIA – 40 vagas Itajaí

TECNOLOGIA EDUCACIONAL – 40 vagas Itajaí e 40 vagas Florianópolis

Mais informações: na Coordenadoria de Atenção ao Estudante – (47) 3341-7944.

DICAS NO SEU EMAIL

Receba gratuitamente as últimas notícias dos vestibulares e dicas para o Enem no seu email! Clique aqui e cadastra-se!

RECOMENDAMOS

Continue lendo

Notícias dos Vestibulares e Enem

Santa Casa de SP abre inscrições para o Vestibular 2023

Ao todo, são oferecidas 510 vagas para cinco cursos no Vestibular 2023 da Faculdade de Ciências Médicas da Santa Casa de São Paulo (FCMSCSP)

Publicado

em

por

Santa Casa abre inscrições para o Vestibular de Vagas Remanescentes 2022

Estão abertas as inscrições para o Vestibular 2023 da Faculdade de Ciências Médicas da Santa Casa de São Paulo (FCMSCSP). Ao todo, são oferecidas 510 vagas para cinco cursos de graduação — Medicina, Enfermagem, Fonoaudiologia, Tecnologia em Radiologia e Tecnologia em Sistemas Biomédicos. O prazo final para as inscrições é 29 de setembro. A realização do Vestibular 2023 está sob responsabilidade da Fundação Vunesp.

Santa Casa Vestibular 2023

Medicina é o curso que a FCMSCSP oferece mais vagas: 180, sendo seguido pelos cursos de Tecnologia em Radiologia e de Tecnologia em Sistemas Biomédicos, com 100 vagas em cada; Enfermagem, com 80 vagas, e Fonoaudiologia, com 50 vagas. Do total de 510 vagas oferecidas no Vestibular 2023, 155 são direcionadas a alunos de baixa renda disponibilizando bolsas de até 100% do valor da mensalidade, de acordo com o perfil socioeconômico dos candidatos aprovados.

Veja aqui outros vestibulares de medicina com inscrições abertas!

DICAS NO SEU EMAIL

Receba gratuitamente as últimas notícias dos vestibulares e dicas para o Enem no seu email! Clique aqui e cadastra-se!

RECOMENDAMOS

Continue lendo