Resultados das solicitações de isenção da taxa do Enem 2021

Serão publicados hoje, 9, os resultados das solicitações de isenção da taxa de inscrição do Enem 2021 e também da justificativa de ausência do Enem 2020.

Solicitações de isenção da taxa do Enem 2021

A consulta poderá se feita pela Página do Participante.

Sobre a solicitação de isenção da taxa

Têm direito a não pagar a taxa do exame aqueles que estão cursando a última série do ensino médio no ano de 2021, em qualquer modalidade de ensino, em escola da rede pública; e aqueles que cursaram todo o ensino médio em escola da rede pública ou foram bolsistas integrais na rede privada e têm renda familiar igual ou inferior a um salário mínimo e meio por pessoa.

Poderão pedir a isenção também aqueles estudantes em situação de vulnerabilidade socioeconômica, que sejam membros de família de baixa renda inscrita no Cadastro Único para Programas Sociais do Governo Federal (CadÚnico). Para isso, devem informar Número de Identificação Social (NIS) único e válido.

Enem 2021

O Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) 2021 será aplicado nos dias 21 e 28 de novembro. Os interessados em participar do Enem 2021, versão impressa ou digital, poderão fazer a inscrição no período de 30 de junho a 14 de julho, na Página do Participante.

Todos os interessados em fazer o Enem 2021 devem realizar a inscrição, independentemente de terem adquirido a isenção da taxa ou não, bem como terem realizado a justificativa de ausência no Enem 2020. O Inep ressalta que esses procedimentos não garantem a inscrição.

A novidade deste ano é que as duas versões do Enem 2021 (impressa e digital) terão as mesmas provas, com itens iguais, aplicadas nas mesmas datas. Vale destacar que o Enem Digital é exclusivo para quem já concluiu o ensino médio ou que está concluindo essa etapa em 2021. Assim, os participantes que desejarem fazer o exame para fins de autoavaliação — os chamados “treineiros” — devem se inscrever para o Enem 2021 impresso.

Inscrição

Na inscrição, o participante deve informar número do CPF e data de nascimento. Os dados devem ser iguais aos cadastrados na Receita Federal, para não inviabilizar a correspondência entre as informações. O Inep não aceitará inscrição com CPF em situação irregular na Receita Federal.

Ainda na inscrição, o participante deve indicar qual modalidade do Enem 2021 deseja realizar, se impressa ou digital. Após concluir a inscrição, não será possível alterar os dados, bem como a versão escolhida.