Saiu a concorrência do Vestibular Unicamp 2020

A Comissão Permanente para os Vestibulares da Unicamp (Comvest) está divulgando o total de inscritos para o Vestibular Unicamp 2020 e a relação candidatos-vaga por curso.

Estão inscritos no processo, 72.859 candidatos, que irão concorrer a 2.570 vagas, em 69 cursos de graduação. Esse número representa 80% das vagas regulares. O preenchimento dos outros 20% será feito por meio da modalidade Enem-Unicamp, cujas inscrições começam dia 21 de outubro. No ano passado, a Unicamp havia registrado 76.312 inscritos no vestibular.

A tabela completa está na página eletrônica da Comvest (www.comvest.unicamp.br), bem como o total de inscritos por cidade de prova.

Os locais de prova da primeira fase serão divulgados pela Comvest no dia 25 de outubro, também em sua página na internet.

10 cursos mais concorridos

As dez carreiras mais concorridas no Vestibular Unicamp 2020 são:

  1. Medicina, com 325 candidatos por vaga;
  2. Arquitetura e Urbanismo (87 c/v);
  3. Ciências Biológicas – Integral (60 c/v);
  4. Comunicação Social-Midialogia (49 c/v);
  5. Ciência da Computação – Noturno (40 c/v);
  6. Farmácia – Integral (39 c/v);
  7. História – Integral (37 c/v);
  8. Engenharia da Computação – Integral (38 c/v);
  9. Engenharia Química – Integral (35 c/v )
  10. Enfermagem- Integral (33 c/v).

Inclusão social

A Comvest registrou aumento do número de estudantes de escolas públicas inscritos, passando de 30,9% no ano passado para 32,2% no Vestibular 2020. Os demais índices de inclusão praticamente se mantiveram em comparação ao ano anterior.

O percentual de candidatos autodeclarados pretos e pardos é de 21,3% contra 21,8% no ano anterior.

O número de estudantes que fizeram a opção pelas cotas étnico-raciais foi de 11% do total de inscritos no Vestibular Unicamp 2020, contra 12% na edição passada.

Essa é a segunda vez que a Unicamp terá a adoção de cotas para pretos e pardos em seu vestibular.

Enem – Unicamp

As inscrições para a modalidade Enem-Unicamp estarão abertas de 21 de outubro a 21 de novembro, pela página eletrônica da Comvest. O processo visa preencher 639 vagas nos cursos de graduação da Unicamp, a partir das notas obtidas pelos estudantes no Enem (2018 ou 2019).

Tanto os estudantes que estiverem inscritos no Vestibular Unicamp 2020, como aqueles que não se inscreveram poderão participar do processo seletivo que utiliza as notas do Enem. Para isso, basta se inscrever pela página da Comvest e recolher a taxa referente.

A Unicamp não utiliza o Sisu, mas sim um sistema próprio no qual os estudantes deverão se inscrever.