Vestibular Unitins 2020/1

Unitins lança Vestibular 2020/1 com 480 vagas

A Universidade Estadual do Tocantins (Unitins) lançou nesta segunda-feira, 09, o edital do Vestibular Unitins 2020/1 com oferta de 480 vagas distribuídas nos quatro câmpus da instituição. As inscrições começarão no próximo dia 16 e a taxa é de R$ 120. A prova do vestibular está marcada para 01º de dezembro.

Os câmpus da Unitins estão localizados em Palmas, Araguatins, Augustinópolis e Dianópolis. Os cursos ofertados pela universidade são totalmente gratuitos e presenciais. Atualmente a Unitins oferece os cursos de Direito, Enfermagem, Engenharia Agronômica, Administração, Ciências Contábeis, Letras, Pedagogia, Serviço Social e Sistemas de Informação. Confira o edital completo aqui.

Das 480 vagas ofertadas para ingresso no semestre 2020/1, 10% (48 vagas) são reservadas para o SISU; 50% (240 vagas) são para egressos da rede pública de ensino médio e 40% (192 vagas) para ampla concorrência. No percentual de escola pública há a reserva de 10% para cotas raciais, atendendo à Lei Estadual 3.458/2019, para candidatos autodeclarados pretos e pardos e oriundos de comunidades indígenas, que tenham cursado o ensino médio integralmente em escolas públicas.

Provas do vestibular Unitins 2020 serão aplicadas no dia 01º de dezembro (Foto: Cristian Reurison/Ascom Unitins)

Provas do vestibular Unitins 2020 serão aplicadas no dia 01º de dezembro (Foto: Cristian Reurison/Ascom Unitins)

Novidades

Este processo seletivo traz algumas mudanças em relação aos editais anteriores e os candidatos devem ficar atentos. Uma das maiores alterações é quanto às provas objetiva e de Redação. Nos certames anteriores as provas eram divididas por áreas de conhecimento e aplicadas em dois turnos (manhã e tarde). Neste vestibular as provas serão aplicadas somente no período da tarde, das 13h às 18h pelo horário local. Conforme previsto no edital, as provas serão aplicadas nos quatro municípios onde a Unitins tem unidade: Palmas, Araguatins, Augustinópolis e Dianópolis.

Universidade pública

O reitor da Unitins, Augusto Rezende, pontua o impacto social do vestibular da Unitins, principalmente por ser uma universidade pública. “Percebemos uma leve melhora no cenário econômico brasileiro, mas muitas famílias não têm condições de pagar mensalidade numa faculdade particular. Por isso, para milhares de pessoas, nós representamos a oportunidade real de acesso ao ensino superior. Estamos ofertando 480 vagas, o que significa que teremos a partir de janeiro mais 480 pessoas fazendo um curso superior de forma totalmente gratuita”, ressalta o reitor acrescentando que isso reflete diretamente no desenvolvimento da população tocantinense e do Estado.

Augusto Rezende lembra os depoimentos de alunos e egressos da instituição, que “nos dizem a todo momento que a Unitins é a chance deles mudarem de vida, de melhorarem a qualidade de vida da família inteira. O diploma do curso superior representa expectativas melhores e com a Unitins eles conseguem a realização de um sonho que, na maioria das vezes, não é só do aluno, mas da família toda”.

O professor também destaca o apoio do Governo do Estado para a realização do vestibular e para o fortalecimento da Unitins de modo geral. “O governador é um homem simples, não teve a oportunidade de fazer uma faculdade, mas reconhece a importância do ensino superior na vida do cidadão e o valor da Unitins para o povo tocantinense. Por isso ele nos apoia incondicionalmente e vem nos dando condições de melhorar gradativamente a qualidade dos serviços que ofertamos. Estamos avançando e seguiremos assim, buscando melhorar sempre para ampliar cada vez mais a oferta do ensino superior”, afirma Augusto Rezende.

Recomendamos: