Siga-nos!

Notícias dos Vestibulares e Enem

Veja como participar da Seleção Enem-Unicamp

As inscrições serão feitas entre 21 de outubro e 21 de novembro de 2019, exclusivamente nesta página. As 639 vagas disponíveis

Publicado

em

A Unicamp vai preencher 639 vagas (20% das vagas existentes) para ingresso nos cursos de graduação em 2020 por meio do Enem – Exame Nacional do Ensino Médio.

Consulte aqui as vagas por curso.

Seleção Enem-Unicamp 2020

Veja a quem se destinam essas vagas:

1. candidatos que tenham cursado integralmente o ensino médio em escola pública ou que tenham obtido a certificação do ensino médio pelo Enem até o ano de 2016 ou exames oficiais (candidatos devem declarar não ter cursado o período realizado no ensino médio em escola particular);

2. candidatos autodeclarados pretos e pardos;

3. candidatos que tenham cursado integralmente o ensino médio em escola pública ou que tenham obtido a certificação do ensino médio pelo Enem até o ano de 2016 ou exames oficiais (candidatos devem declarar não ter cursado o período realizado no ensino médio em escola particular) e sejam autodeclarados pretos, pardos ou indígenas.

Seleção Enem-Unicamp 2020

Seleção Enem-Unicamp 2020

A distribuição de vagas segue os seguintes percentuais por curso:

50% do total de vagas de cada curso para o segmento 1.

25% do total de vagas de cada curso para o segmento 2.

25% do total de vagas de cada curso para o segmento 3.

Para acessar as informações sobre o último processo (vagas, concorrência, edital etc), clique aqui.

Os candidatos que concorrem à reserva de vagas de escola pública deverão comprovar, no momento da matrícula, pertencer a um dos três casos previstos, mediante entrega de cópia, autenticada em Cartório ou acompanhada do original, de:

I – Histórico Escolar completo do Ensino Médio realizado em estabelecimentos da rede pública brasileira (federal, estadual, municipal), ou;

II – Certificado ou declaração de conclusão do Ensino Médio por meio do Enem (até 2016) ou ENCCEJA, ou;

III – Histórico Escolar do Ensino Médio supletivo, EJA, modalidades presencial, semipresencial e a distância, realizado em estabelecimentos da rede pública nacional, de forma que o documento possua, no original, visto confere emitido pelas Secretarias Estaduais ou Municipais de Educação. Tendo cursado algum dos anos do Ensino Médio regular antes da realização do Exame, o candidato deverá apresentar declaração e Histórico Escolar que comprovem não ter cursado o referido período em escola privada.

IV – Declaração de que não cursou, em nenhum momento, parte do Ensino Médio em escola particular, mesmo como bolsista, conforme modelo previsto no Anexo V do Edital.

O candidato convocado que não apresentar os documentos comprobatórios exigidos estará eliminado da seleção e terá a matrícula na Unicamp negada.

Para ter direito à ação afirmativa por critério étnico-racial, os estudantes selecionados que concorreram às vagas reservadas aos autodeclarados pretos ou pardos deverão possuir traços fenotípicos que os caracterizem como negro, de cor preta ou parda. A autodeclaração a ser assinada e entregue no ato da matrícula deve seguir o modelo indicado no Anexo III do Edital. Os optantes pelas vagas indígenas neste edital deverão apresentar declaração seguindo o modelo no Anexo IV do Edital. As informações apresentadas quanto à autodeclaração étnico-racial são de responsabilidade dos candidatos.

Caso um candidato apresente informações inverídicas, a qualquer instante, está sujeito às normas legais relacionadas às leis de reserva de vagas.

Os candidatos optantes pelas cotas autodeclarados pretos, pardos e indígenas poderão ser submetidos a uma Comissão de Averiguação, designada pela Diretoria Executiva de Direitos Humanos, a qualquer momento do processo seletivo ou, caso aprovados, de seu vínculo acadêmico com a instituição, preservando-se o direito a recursos e regras estabelecidas pela Unicamp.

Inscrições

As inscrições serão feitas pelo Formulário de Inscrição Enem (que estará disponível na página da Comvest), a partir das 9 horas do dia 21 de outubro até as 17 horas do dia 21 de novembro de 2019 (horário de Brasília).

Somente é possível realizar uma inscrição por CPF, tanto para candidatos pagantes da taxa de inscrição, como para candidatos isentos do pagamento da taxa de inscrição. Em caso de necessidade de alteração de dados da inscrição, os candidatos deverão acessar e preencher o Formulário Eletrônico de Alteração de Dados. Em caso de alteração, será considerado válido apenas o último formulário de alteração preenchido dentro do prazo determinado.

Candidatos de nacionalidade brasileira e candidatos estrangeiros, portadores do CRNM – Carteira de Registro Nacional Migratório, deverão informar o número do CPF ao preencher o Formulário de Inscrição. Será aceito exclusivamente o número do CPF do candidato, não podendo ser utilizado o CPF de responsável. Além do número do CPF, deverá ser informado o número de um documento de identificação com fotografia, podendo ser cédula de identidade (RG), passaporte, CRNM, carteira expedida por Ordens ou Conselhos reconhecidos por lei ou Carteira Nacional de Habilitação que contenha a foto do candidato.

O valor da taxa de inscrição é de 30 reais. Para candidatos inscritos no Vestibular Unicamp 2020, que efetuaram pagamento integral, a taxa será de 15 reais. Candidatos que foram contemplados com a isenção da taxa por critério socioeconômico na Isenção 2020 terão a isenção validada também para este processo seletivo. A efetivação da inscrição se dará, para os não contemplados com a isenção, após o pagamento do boleto exclusivamente na rede bancária até o dia 25 de novembro de 2019. A situação da inscrição deverá ser consultada pelo candidato, a partir de 72 horas após o pagamento da taxa. Qualquer irregularidade deverá ser comunicada imediatamente à Comvest.

Cada candidato deverá se inscrever em apenas um dos segmentos definidos acima. Cada candidato poderá se inscrever em até dois cursos de graduação, declarando a ordem de sua opção (1ª ou 2ª opção). Consulte as vagas por curso. Em cada curso, serão convocados por ordem decrescente da Nota Final Enem, os candidatos que optaram pelo curso em 1ª opção. Havendo vagas não preenchidas, serão convocados por ordem decrescente da Nota Final Enem todos os candidatos que optaram pelo curso como 2ª opção.

Provas e Classificação

As provas do Enem, bem como os programas, formato e conteúdos, são de responsabilidade do Instituto Nacional de Ensino e Pesquisa Anísio Teixeira (INEP), vinculado ao Ministério da Educação (MEC).

As datas e locais de prova são definidos pelo INEP/MEC. A Comvest é responsável apenas pela sistematização das inscrições, classificação de acordo com os critérios definidos pelos cursos e pela convocação dos candidatos selecionados.

Para efeito de composição da nota final Enem do candidato (NFE), a nota de Redação será padronizada. A padronização atribuirá 500 pontos à média e 100 pontos ao desvio padrão. A nota padronizada de Redação (NR) do candidato será dada por:

NR = 500 + (N – M) x 100/DP, onde

N é a nota obtida pelo candidato informada pelo INEP na prova de Redação;
M é a média das notas na prova de Redação de todos os candidatos inscritos que obtiveram nota maior do que 0. M será arredondada para uma casa decimal com precisão de 0,5;
DP é o desvio padrão da distribuição de notas da prova de Redação de todos os candidatos inscritos que obtiveram nota maior do que zero. DP será arredondado para uma casa decimal com precisão de 0,5;
a nota padronizada NR de cada candidato será arredondada para uma casa decimal com precisão de 0,1.

Clique aqui e veja o Manual com todos os detalhes

RECOMENDAMOS

Notícias dos Vestibulares e Enem

Declaração de Comparecimento do 2º dia do Enem 2021 já está disponível

A declaração deve ser impressa e apresentada ao chefe de sala antes de o participante entrar na sala de prova, no momento da identificação.

Publicado

em

por

Inep confirma realização do Enem 2021 / Quem pode pedir isenção da taxa do Enem

Participante que precisa comprovar a presença no 2º dia de aplicação do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) 2021, que ocorrerá neste domingo, 28 de novembro, pode emitir a Declaração de Comparecimento, disponível na Página do Participante. Para acessar o documento, é preciso ter em mãos o login e senha únicos cadastrados no portal do Governo Federal (gov.br).

A declaração deve ser impressa e apresentada ao chefe de sala antes de o participante entrar na sala de prova, no momento da identificação. O Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) não fornece comprovante de presença após a aplicação do exame.

Segundo dia do Enem 2021

Neste domingo (28), os participantes do Enem 2021 (versões impressa e digital) terão cinco horas para realizar as provas de ciências da natureza e suas tecnologias, e matemática e suas tecnologias.

Os portões de acesso aos locais de provas serão abertos às 12h (horário de Brasília) e fechados às 13h. A aplicação do exame começa às 13h30 e termina às 18h30. Aqueles que solicitaram atendimento especializado e tiveram as solicitações aprovadas terão uma hora a mais para responder às provas. Já os participantes que solicitaram recurso de videoprova em Língua Brasileira de Sinais (Libras) poderão concluir o exame até as 20h30.

Enem

O Exame Nacional do Ensino Médio avalia o desempenho escolar dos estudantes ao término da educação básica. Ao longo de mais de duas décadas de existência, tornou-se uma das principais portas de entrada para a educação superior no Brasil, por meio do Sistema de Seleção Unificada (Sisu) e de iniciativas como o Programa Universidade para Todos (ProUni), ambas ações do Ministério da Educação (MEC).

Instituições de ensino públicas e privadas utilizam o Enem para selecionar estudantes. Os resultados são usados como critério único ou complementar dos processos seletivos, além de servirem de parâmetros para acesso a auxílios governamentais, como o proporcionado pelo Fundo de Financiamento Estudantil (Fies).

Os resultados individuais do Enem também podem ser usados nos processos seletivos de instituições portuguesas que possuem convênio com o Inep para aceitarem as notas do exame. Os acordos garantem acesso facilitado às notas dos estudantes brasileiros interessados em cursar a educação superior em Portugal.

Fonte: Inep

RECOMENDAMOS

Continue lendo

Destaque

Vestibular FIAP 2022 está com inscrições abertas

De Inteligência Artificial a Jogos Digitais, de Computação na Nuvem (Cloud) a Defesa Cibernética, a Graduação FIAP tem 15 cursos presenciais e online.

Publicado

em

por

Graduação FIAP está com turmas abertas para 2022

No momento em que o mundo inteiro está olhando para o futuro, é hora de cada um começar a criar o seu. Para isso, é fundamental estar sempre conectado à tecnologia, à inovação e à humanidade: os grandes drivers que vão construir um melhor amanhã.

De Inteligência Artificial a Jogos Digitais, de Computação na Nuvem (Cloud) a Defesa Cibernética, a Graduação FIAP tem 15 cursos presenciais e online. Cada um deles abre novas possibilidades, ampliando o conhecimento exponencialmente, desenvolvendo novos skills e ajudando a transformar o mundo.

O aluno vai dominar os conteúdos mais relevantes do presente. Estudar em laboratórios e salas com infraestrutura avançada ou em uma multiplataforma digital. Participar de projetos reais de grandes empresas. Personalizar sua jornada com Nano Courses em diferentes áreas. E, ainda, vai criar a sua própria startup.

Venha pensar e criar o novo na FIAP.

Let’s rock the future.

Continue lendo

Notícias dos Vestibulares e Enem

UEA recebe pedidos de isenção da taxa do Vestibular e SIS

A solicitação deverá ser realizada pelo portal da UEA, até o dia 30 de novembro de 2021, até às 17h (horário de Manaus).

Publicado

em

por

Resultado do Vestibular e SIS da UEA - Universidade do Estado do Amazonas

A Universidade do Estado do Amazonas (UEA) recebe os pedidos de isenção da taxa do Vestibular e do Sistema de Ingresso Seriado (SIS) 2021, acesso 2022.

A solicitação deverá ser realizada pelo portal da UEA, até o dia 30 de novembro de 2021, até às 17h (horário de Manaus).

Inscrições

As inscrições para o Vestibular e SIS poderão ser feitas no período de 01 a 29 de dezembro de 2021, exclusivamente no portal da UEA (www.uea.edu.br). O período para o pagamento do boleto bancário vai de 01 a 30 de dezembro de 2021.

Provas: Vestibular e SIS

As provas do Vestibular acontecerão nos dias 13 (Conhecimentos Gerais) e 14 (Conhecimentos Específicos e Redação) de fevereiro de 2022, com início às 13h e fechamento dos portões às 12h50, no horário de Manaus. As provas do SIS (Acompanhamento I, II e III) ocorrerão no dia 15 de fevereiro de 2022, com início às 13h e fechamento dos portões às 12h50, horário de Manaus. O Cartão de Convocação do candidato estará disponível no dia 03 de fevereiro de 2022, no site da UEA.

A divulgação do resultado final ocorrerá no dia 18 de março de 2022.

Nesta edição, o certame oferece um total de 4.870 vagas, incluindo 264 vagas para alunos indígenas e 773 vagas para Pessoa com Deficiência (PcD). Para o Vestibular são oferecidas 2.300 vagas, sendo 1.088 para a capital e 1.212 para o interior. O Edital do SIS dispõe de 1.533 vagas, sendo 725 para a capital e 808 para o interior.

Além disso, a UEA estará ofertando neste certame três cursos de oferta especial: Tecnologia em Design Digital, Letras – Língua Inglesa e Direito. No total, 37 cursos estão disponíveis para o Vestibular e SIS 2021, acesso 2022.

RECOMENDAMOS

Continue lendo