Engenharia Mecatrônica - informações sobre mercado de trabalho e descrição da profissão Engenharia Mecatrônica

Engenharia Mecatrônica

A Engenharia Mecatrônica reúne conhecimentos específicos da Mecânica e da Eletrônica aliados à computação voltados, principalmente, para os processos de automação industrial e robótica. É o mesmo que Engenharia de Automação e Sistemas.

O Engenheiro Mecatrônico trabalha nas diferentes áreas da Engenharia Mecânica onde se aplicam tecnologias específicas de automação industrial. Ele projeta, opera e faz manutenção aos equipamentos utilizados no processo de automação, como os robôs industriais e as linhas de produção automatizadas. Programa máquinas, cria peças mecânicas e planeja o emprego de computadores na Engenharia. Controla o processo produtivo e cria programas de computador que possam ser utilizados para analisar e controlar a manufatura e a produção da empresa, contribuindo para o aumento da produtividade e da qualidade do produto. Pode, ainda, coordenar equipes de Engenheiros Mecânicos e Eletricistas na realização de projetos.

Conhecimento multidisciplinar (eletrônica e mecânica), busca da redução do preço do produto e do aumento da produtividade são fatores que contribuem para a crescente demanda do profissional de engenharia Mecatrônica. Durante o curso de Engenharia Mecânica da USP/São Carlos, o aluno pode optar por ênfases curriculares que oferecem uma maior especialização em Mecatrônica. Raciocínio abstrato, aptidão numérica e mecânica, interesse por atividades científicas e numéricas são os requisitos da profissão.

Campos de atuação: Indústrias com algum tipo de automação na linha de produção, como Automobilística, Eletroeletrônica, Eletroquímica, Metalúrgica, Têxtil, Cerâmica, Empresas de Informática, Parques de Alta Tecnologia.

Especializações: Mecânica, Robótica, CIM, CADICAM, Agro Indústria, Instrumentação industrial.

Clique aqui e veja os vestibulares de Engenharia com inscrições abertas.

Veja o texto de outras profissões

Faça agora o teste vocacional online e gratuito!

PARTICIPE DO SIMULADÃO ONLINE E PREPARE-SE PARA O VESTIBULAR

Receba dicas desta profissão no seu email

RECOMENDAMOS

Anhembi Morumbi FMU Universidade São Francisco Redentor ISPED FECAP Univaço ITPAC Católica-TO
FAQUI FAJOP uniptan FIPECAFI Drummond Drummond Católica-TO EPD IESVAP

ACESSO RÁPIDO

CALENDÁRIO DO VESTIBULAR | TESTE VOCACIONAL ONLINE | SIMULADOS ONLINE | PLANO DE HORÁRIO DE ESTUDOS - PHE | DATAS DO ENEM 2017
->

DESAFIO DO DIA - SIMULADO ONLINE DIÁRIO

(Metodista 2013) A inflação medida pelo Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA) fechou o mês de agosto/2012 com alta de 0,41%, ante uma variação de 0,43% em julho do mesmo ano, de acordo com o IBGE. Pode-se afirmar que

os aumentos de preços dos alimentos e bebidas pressionam a inflação.
saúde, transporte e residência têm custos em deflação.
o aumento na energia elétrica residencial e industrial gera maiores índices inflacionários.
construções de estádios e compra de jogadores correspondem a 5% do IPCA.
preços de alimentos, vestuário, educação e bebidas não influenciam no índice de inflação.