Siga-nos!

Destaque

Entenda como é feita a correção do Enem

O Enem utiliza um sistema de correção chamado teoria de resposta ao item (TRI), conhecido como um método antichute.

Publicado

em

Reabertura das inscrições do Enem 2021. Quem pode participar?

O Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) começou a ser aplicado no último domingo (21) para estudantes de todo o país. Ele terá sequência no próximo domingo (28). Apenas depois do fim da aplicação o Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) irá divulgar o gabarito oficial e os Cadernos de Questões. A previsão é que a divulgação ocorra no dia 1º de dezembro.

O Enem utiliza um sistema de correção chamado teoria de resposta ao item (TRI), conhecido como um método antichute. Mesmo com o gabarito em mãos, não é possível saber a pontuação final do exame. Explicações detalhadas do cálculo da nota do Enem estão disponíveis no Guia do Participante do Enem 2021.

Na prova objetiva do Enem, a nota não é calculada levando-se em conta somente o número de questões corretas, mas também a coerência das respostas do participante ao conjunto das questões que formam a prova. A TRI estima a dificuldade das questões e avalia o conhecimento dos participantes. Assim, estudantes com o mesmo número de acertos da prova poderão ter notas diferentes.

Provas

Nesse domingo (21), os estudantes fizeram as provas de linguagens, ciências humanas e redação. No próximo domingo, eles resolverão, em cinco horas, as questões de ciências da natureza e de matemática. Com exceção da redação, todas são provas objetivas, de múltipla escolha. Cada uma com 45 questões.

Na hora da correção, a TRI vai levar em consideração a coerência da prova, ou seja, é esperado que um estudante que acerte questões muito difíceis, acerte também as muito fáceis. Se isso não acontecer, o sistema pode entender que ele chutou a questão e, por isso, ele pontuará menos nessa questão do que candidatos que tenham mantido certa coerência esperada.

Modelo matemático

As questões do Enem são escolhidas a partir do Banco Nacional de Itens (BNI), acervo de questões que é frequentemente abastecido com novas questões. Cada questão é testada antecipadamente com um grupo de estudantes e classificada de acordo com a dificuldade. Por causa disso, é possível compor várias provas do Enem, com temas diferentes, mas com o mesmo nível de dificuldade.

Segundo o Inep, o modelo matemático da TRI usado no Enem considera três parâmetros:

*Parâmetro de discriminação: poder de discriminação que cada questão possui para diferenciar os participantes que dominam dos participantes que não dominam a habilidade avaliada naquela questão.

*Parâmetro de dificuldade: associado à dificuldade da habilidade avaliada na questão, quanto maior seu valor, mais difícil é a questão. Ele é expresso na mesma escala da proficiência. Em uma prova de qualidade, devemos ter questões de diferentes níveis de dificuldade para avaliar adequadamente os participantes em todos os níveis de conhecimento.

* Parâmetro de acerto casual: em provas de múltipla escolha, um participante que não domina a habilidade avaliada em uma determinada questão da prova pode responder corretamente a um item devido ao acerto casual. Assim, esse parâmetro representa a probabilidade de um participante acertar a questão não dominando a habilidade exigida.

Outra característica da TRI é não ter um limite inferior ou superior padrão entre as áreas de conhecimento. Isso significa que as proficiências dos participantes não variam entre zero e mil. Os valores máximos e mínimos de cada prova dependerão das características dos itens selecionados. No Enem, somente a prova de redação tem um valor máximo (mi)l, já que o processo de correção é diferente.

Enem 2021

O Enem reúne mais de três milhões de estudantes em todo o país, tanto na versão impressa quanto na versão digital. O exame seleciona estudantes para vagas do ensino superior público, pelo Sistema de Seleção Unificada (Sisu), para bolsas em instituições privadas, pelo Programa Universidade para Todos (ProUni), e serve de parâmetro para o Fundo de Financiamento Estudantil (Fies). Os resultados também podem ser usados para ingressar em instituições de ensino portuguesas que têm convênio com o Inep.

RECOMENDAMOS

Destaque

Último dia de inscrições para o Vestibular FIAP 2022

A FIAP, um dos principais centros universitários de tecnologia e gestão do país, encerra hoje, 2 de dezembro, as inscrições para o 2° processo seletivo de 2021.

Publicado

em

por

Graduação FIAP está com turmas abertas para 2022

A FIAP, um dos principais centros universitários de tecnologia e gestão do país, encerra hoje, 2 de dezembro, as inscrições para o 2° processo seletivo de 2021. O vestibular será realizado na modalidade digital em 4 de dezembro de 2021 e o valor da taxa de inscrição é de R$ 90,00.

Sobre a FIAP

No momento em que o mundo inteiro está olhando para o futuro, é hora de cada um começar a criar o seu. Para isso, é fundamental estar sempre conectado à tecnologia, à inovação e à humanidade: os grandes drivers que vão construir um melhor amanhã.

De Inteligência Artificial a Jogos Digitais, de Computação na Nuvem (Cloud) a Defesa Cibernética, a Graduação FIAP tem 15 cursos presenciais e online. Cada um deles abre novas possibilidades, ampliando o conhecimento exponencialmente, desenvolvendo novos skills e ajudando a transformar o mundo.

O aluno vai dominar os conteúdos mais relevantes do presente. Estudar em laboratórios e salas com infraestrutura avançada ou em uma multiplataforma digital. Participar de projetos reais de grandes empresas. Personalizar sua jornada com Nano Courses em diferentes áreas. E, ainda, vai criar a sua própria startup.

Venha pensar e criar o novo na FIAP.

Let’s rock the future.

Continue lendo

Destaque

Gabarito oficial – Enem 2021 – Provas 21 e 28/11/2021

Os candidatos poderão consultar hoje, dia 1º de dezembro, os gabaritos oficiais do Enem 2021, das provas de 21 e 28 de novembro de 2021.

Publicado

em

por

enem 2021 gabarito oficial

A aplicação regular do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) 2021 ocorreu nos dias 21 e 28 de novembro de 2021, nos formatos impresso e digital. Os candidatos poderão consultar hoje, dia 1º de dezembro, o gabarito oficial do Enem 2021.

Gabarito oficial do Enem 2021

A consulta poderá ser feita na seção Provas e Gabaritos do portal do Inep.

Os interessados também poderão baixar os cadernos de questões.

Perdeu umas das provas? Clique aqui e saiba quais condições permitem reaplicação do Enem!

Resultados

Os resultados das provas do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) 2021 serão divulgados no dia 11 de fevereiro do ano que vem. A data foi confirmada pelo Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep), responsável pela realização do exame, durante entrevista coletiva no último domingo (28/11).

Sobre o Enem

O Exame Nacional do Ensino Médio avalia o desempenho escolar dos estudantes ao término da educação básica. Ao longo de mais de duas décadas de existência, tornou-se uma das principais portas de entrada para a educação superior no Brasil, por meio do Sistema de Seleção Unificada (Sisu) e de iniciativas como o Programa Universidade para Todos (ProUni), ambas ações do Ministério da Educação (MEC).

Instituições de ensino públicas e privadas utilizam o Enem para selecionar estudantes. Os resultados são usados como critério único ou complementar dos processos seletivos, além de servirem de parâmetros para acesso a auxílios governamentais, como o proporcionado pelo Fundo de Financiamento Estudantil (Fies).

Os resultados individuais do Enem também podem ser usados nos processos seletivos de instituições portuguesas que possuem convênio com o Inep para aceitarem as notas do exame. Os acordos garantem acesso facilitado às notas dos estudantes brasileiros interessados em cursar a educação superior em Portugal.

RECOMENDAMOS

Continue lendo

Destaque

USF antecipa bolsa de estudo pela nota do Enem

Os interessados em estudar na USF em 2022 com bolsas de estudo de até 100% pela nota do Enem podem garantir vaga ainda neste ano.

Publicado

em

por

USF antecipa bolsa de estudo pela nota do Enem

Os interessados em estudar na Universidade São Francisco (USF) em 2022 com bolsas de estudo de até 100% pela nota do Enem podem garantir vaga ainda neste ano.

Para tanto, basta o candidato fazer a prova de redação online ou apresentar o histórico escolar, garantindo 35% de desconto nas mensalidades. Se a nota no Enem 2021 for maior que 550 pontos, o desconto será alterado conforme o desempenho obtido no exame. Os candidatos podem ainda utilizar a melhor nota no Enem de 2015 a 2020. Neste caso, a inscrição é gratuita.

A condição é válida para mais de 40 cursos presenciais (exceto Medicina) e de Educação a Distância (EaD). Independente da pontuação, todos os candidatos têm 80% de desconto na matrícula.

Confira os descontos, conforme sua pontuação no ENEM:

450 – 550 = 35% de desconto (30% + 5% de antecipação)

551 – 650 = 40% de desconto (35% + 5% de antecipação)

651 – 750 = 45% de desconto (40% + 5% de antecipação)

751 – 850 = 50% de desconto (45% + 5% de antecipação)

851 – 1000 = 100% de desconto

A campanha é válida para matrículas realizadas até o dia 13 de dezembro. Confira todas as informações pelo site usf.edu.br/vestibular ou via WhatsApp 11 94467-9295.

 

Continue lendo