Siga-nos!

Notícias dos Vestibulares e Enem

Unifeso concede bolsas de estudo de 30% no Vestibular 2021.2

São duas as principais formas de ingressar em uma graduação no Unifeso pelo Vestibular 2021.2: via nota do Enem ou Redação On-line

Publicado

em

Unifeso concede bolsas de estudo de 30% no Vestibular 2021.2

O Centro Universitário Serra dos Órgãos (Unifeso) dará aquela força para quem tem o sonho de fazer uma graduação. Os vestibulandos que se matricularem em um dos dez cursos oferecidos, no segundo semestre de 2021, terão 30% de bolsa garantidos durante o período de integralização do curso, mantendo as condições estabelecidas no regulamento.

Unifeso Vestibular 2021.2

Há bolsas de estudo disponíveis também para outras formas de ingresso. As inscrições acontecem até 6 de agosto e podem ser feitas, gratuitamente, pelo site vestibular.unifeso.edu.br.

São duas as principais formas de ingressar em uma graduação: via nota do Enem ou Redação On-line, e todo o processo, desde a inscrição até a matrícula, poderá ser feito de casa. A Redação será feita de forma on-line, sem necessidade de agendamento. Caso o candidato não tenha computador em casa, poderá usar as instalações do Unifeso. Já os estudantes que optarem pelo ingresso via Enem, poderão utilizar a nota da redação dos anos de 2016, 2017, 2018, 2019 ou 2020, se esta for superior a 450 pontos.

Os cursos oferecidos para o segundo semestre de 2021 são: Arquitetura e Urbanismo, Biomedicina, Ciência da Computação, Direito, Enfermagem, Fisioterapia, Medicina Veterinária, Nutrição, Odontologia e Psicologia. Mais informações no edital.

RECOMENDAMOS

Destaque

MEC estuda criação da primeira universidade federal digital do país

O Ministério da Educação (MEC) planeja criar uma universidade federal digital para, segundo o ministro Milton Ribeiro, ampliar o acesso dos estudantes de todo o país à rede pública federal de ensino.

Publicado

em

por

O Ministério da Educação (MEC) planeja criar uma universidade federal digital para, segundo o ministro Milton Ribeiro, ampliar o acesso dos estudantes de todo o país à rede pública federal de ensino.

“Queremos criar a primeira universidade federal digital no país e ampliar o acesso a todos”, disse o ministro ao participar, ontem (16), de audiência pública na Comissão de Educação do Senado.

Um documento preliminar do Centro de Gestão e Estudos Estratégicos (CGEE), organização social vinculada ao Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação, de maio deste ano, cita a avaliação de viabilidade da iniciativa entre as metas da Secretaria de Educação Superior (Sesu-MEC) para promover a educação à distância nas instituições federais de ensino superior por meio do programa Reuni Digital.

Hoje, no Senado, o ministro Milton Ribeiro disse que a iniciativa segue o modelo já implementado por outros países e respeita as diretrizes, metas e estratégias definidas no Plano Nacional de Educação (PNE). De acordo com o ministro, o uso das modernas tecnologias de informação podem baratear os custos do ensino de qualidade.

“É isso que temos visto em grandes países que estão desenvolvendo essa ferramenta. Vamos começar com alguns cursos e todos vão poder ter acesso, pois com 400, 500 professores, eu posso atingir a milhões de alunos no país todo, obedecendo às premissas do PNE”, disse o ministro.

O ministro lembrou que, nos últimos anos, o orçamento das universidades federais foi impactado pela crise econômica e, principalmente, pela pandemia da covid-19.

“Quando falamos em diminuição das verbas para as universidades federais, eu concordo plenamente. Vejo que, em um passado não tão distante, o orçamento do ensino federal era muito grande, muito maior do que o que temos hoje”, disse Ribeiro

“Vale dizer que vivemos tempo de guerra, de pandemia”, acrescentou o ministro, enfatizando que, na proposta orçamentária para 2022, o ministério pede ao Congresso Nacional que autorize um aumento de recursos para a pasta.

“A proposta que o Parlamento vai apreciar fala em um aumento mínimo de cerca de 17% para as universidades federais, e de 28% para os institutos federais. Por que isso? Porque temos 69 universidades federais com 281 campi. E 38 institutos, Cetecs [centros educacionais técnicos], além do Dom Pedro II. E esses, juntos, somam 670 campi. Então, além da visão política de dar mais oportunidade à [formação] de mão de obra técnica, o número de campi [do segundo grupo] é muito maior”, comentou Ribeiro.

Fonte: Agência Brasil

RECOMENDAMOS

Continue lendo

Notícias dos Vestibulares e Enem

Vestibular Famerp 2022 abre inscrições para Medicina, Enfermagem e Psicologia

São oferecidas 160 vagas no Vestibular Famerp 2022, sendo 80 para Medicina, 60 para Enfermagem e 20 para Psicologia.

Publicado

em

por

Vestibular Famerp 2022 abre inscrições para Medicina, Enfermagem e Psicologia

Começam hoje, 17, as inscrições para o Vestibular 2022 da Faculdade de Medicina de São José do Rio Preto (Famerp).

Vestibular Famerp 2022

Os interessados podem realizar as inscrições no site da Fundação Vunesp (www.vunesp.com.br), até 18 de novembro de 2021.

As provas serão aplicadas nos dias 14 e 15 de dezembro, nas cidades de Bauru, Campinas, Ribeirão Preto, São José do Rio Preto, São José dos Campos e São Paulo.

Sobre a Famerp

A Famerp é uma instituição de ensino superior pública paulista. São oferecidas 160 vagas, sendo 80 para Medicina, 60 para Enfermagem e 20 para Psicologia.

RECOMENDAMOS

Continue lendo

Notícias dos Vestibulares e Enem

Megavestibular da Estácio concede condições especiais para calouros do segundo semestre

Nos dias 17 e 18 de setembro, a Estácio realizará o Megavestibular e os aprovados poderão receber 70% de desconto durante todo o curso.

Publicado

em

por

Estácio lança novo Megavestibular em julho

Nos dias 17 e 18 de setembro, a Estácio realizará o Megavestibular e os aprovados poderão receber 70% de desconto durante todo o curso. São dezenas de opções em cursos de graduação, disponíveis em quatro modalidades de ensino: Presencial; Semipresencial, Digital e Flex. A campanha não é válida para o curso de medicina.

Megavestibular da Estácio

As inscrições são gratuitas e podem ser realizadas diretamente nas Unidades ou Polos de Ensino Digital, pelo site estacio.br, ou pelos telefones 4003-6767 (Regiões Metropolitanas) ou 0800 880 6767 (Demais regiões).

Os novos estudantes contam ainda com mais um benefício, o seguro educacional que protege os alunos que tenham perdido o emprego. Totalmente sem custos, o benefício garante um crédito de até seis vezes o valor da mensalidade.

Na Estácio os estudantes podem optar entre diversos cursos de graduação como Direito, Nutrição, Psicologia, Educação Física, Pedagogia, Biomedicina, Enfermagem, Administração, entre outros.

RECOMENDAMOS

Continue lendo