Siga-nos!

Profissões

Ciências Moleculares

Publicado

em

O curso experimental em Ciências Moleculares é uma nova opção de graduação da Universidade de São Paulo para alunos que desejam fazer da pesquisa científica sua atividade profissional. O curso é dividido em dois ciclos: o Ciclo Básico e o Ciclo Avançado.

Ciências Moleculares

Sobre a profissão

O Ciclo Básico dura dois anos e contém quatro disciplinas centrais e uma instrumental (Computação). As disciplinas centrais são: Matemática (4 semestres), Física (4 unidades teóricas e 1 experi­mental), Química (3 unidades teóricas e 1 experimental) e Biologia (4 unidades teóricas e 1 experimental). No final do Ciclo Básico o aluno terá completado 60% dos créditos necessários para a obtenção do bacharelado. Durante este ciclo, todos os alunos estão ligados a um tutor que atua como orientador acadêmico e transmite informações sobre a Universidade. Terminado o Ciclo Básico, o aluno deve ter escolhido um orientador sob cuja orientação continuará sua formação como pesquisador e começará a desenvolver atividades de pesquisa. No Ciclo Avançado, o aluno elaborará em conjunto com seu orientador um currículo personalizado com total liberdade de composição das disciplinas (entre aquelas oferecidas por toda a USP). Este currículo deve ser aprovado pela Comissão Coordenadora e deve completar os créditos necessários para a conclusão do Curso – as atividades de iniciação científica contam créditos.

O curso exige dedicação integral e um bom desempenho acadêmico. A avaliação é feita semestralmente e de forma global pela Comissão Coordenadora.

Este curso de Ciências Moleculares é aberto a alunos regularmente matriculados em qualquer curso de graduação da USP. O curso possui duração de quatro anos e acontece uma vez por ano nos meses de Junho/Julho. O aluno interessado em concorrer a uma das 25 vagas do curso passa por uma avaliação. Nesta avaliação o desempenho no Vestibular (notas obtidas) é considerado. A seleção continua com uma prova dissertativa que contém questões de Matemática, Física, Química e Biologia, com duração de cinco horas. A próxima etapa da seleção é uma entrevista; na verdade, uma dinâmica de grupo, com professores e coordenadores do curso. Cada etapa não é eliminatória, o candidato é avaliado como um todo, levando em conta, principalmente, sua aptidão para a pesquisa. As 25 vagas do curso podem ser todas preenchidas ou não, dependendo do resultado da avaliação dos candidatos. Por exemplo, no Vestibular/96, das 25 vagas, foram preenchidas 18 vagas levando em conta que tinham 100 candidatos.

Boa memória, exatidão, atenção concentrada, meticulosidade, espírito de iniciativa, perseverança, constante atualização, senso de observação, dinamismo, raciocínio abstrato, habilidade numérica desenvolvida, interesse pelo estudo e pela pesquisa são requisitos da profissão.

Campos de atuação

Setor de Pesquisa e Desenvolvimento de Empresas, Universidades, Institutos de Desenvolvimento e Pesquisa.

Especializações

Propulsão de Foguetes, Biofísica, Bioquímica, Farmacologia, Cibernética, Engenharia Genética, Físico-Química, Campos Neurais, Microeletrônica associada a Biologia, Mecânica Estatística.

Indicações

RECOMENDAMOS

Profissões

Medicina

A mais concorrida carreira da área de Biológicas, a Medicina é a mais nobre das profissões: a arte de prevenir e curar doenças.

Publicado

em

por

A mais concorrida carreira da área de Biológicas, a Medicina é a mais nobre das profissões: a arte de prevenir e curar doenças.

Medicina

Sobre a profissão

O estudo das causas das enfermidades, a pesquisa dos meios para combate-las, a busca pela melhoria dos padrões de saúde da comunidade tornam o médico um profissional voltado à causa social que é a Saúde.

Através de exames, o médico pode prescrever ao paciente a medicação necessária ou submetê-lo a tratamentos mais intensos como as cirurgias.

O bom Médico não pára de estudar nunca. Vive em congressos, participa de pesquisas acadêmicas, escreve artigos científicos, faz cursos e leitura constante de revistas especializadas. Além do estudo e da especialização, é preciso ter o dom. Quem não tem mão, deve ficar longe dos bisturis. Quem acha que os exames resolvem tudo, talvez precise fazer um curso complementar de Psicologia, já que o bom Médico sabe interpretar o que ouve. Uma boa conversa pode valer mais do que um punhado de exames – de cada 10 diagnósticos, 08 podem ser resolvidos durante uma entrevista bem feita coisa que os recém formados só irão aprender com o tempo, pois o tempo faz o bom médico. Atualmente, com o aumento da expectativa devida, cresce a procura pelas especialidades relacionadas à velhice: Geriatria, Cardiologia, Oncologia, Ortopedia. Outras áreas em expansão são aquelas sob o domínio de alta tecnologia como Oftalmologia e alguns tipos de cirurgia.

O profissional desta área precisa ter perseverança, dedicação ao próximo, interesse pela melhoria dos padrões de saúde, presteza no trato para com os pacientes, habilidade manual e cirúrgica e sociabilidade acentuada.

Modalidades

Medicina do Trabalho (cuida de enfermidades próprias do ambiente de trabalho) Medicina Sanitária (trabalha em postos e Programas de Saúde junto ás populações de baixa renda), Medicina Legal, Medicina Esportiva, Medicina Preventiva e Bioengenharia.

Especializações

Ginecologia e Obstetrícia, Urologia, Nefrologia, Pediatria, Psiquiatria, Cardiologia, Pneumologia, Ortopedia e Traumatologia, Anatomia Patológica, Otorrino-Laririgologia, Endoscopia, Oftalmologia, Análises Clínicas, Radiologia (diagnóstico por imagem), Medicina Nuclear, Anestesia, Genética, Dermatologia, Clínica Cirúrgica, Cirurgia Plástica, Clínica Médica (Gastroenterologia, Proctologia, Neurologia, Geriatria, Oncologia, Endocrinologia)

Campos de atuação

Hospitais, Clínicas, Empresas Clubes, Escolas, Pesquisa.

Indicações

RECOMENDAMOS

Continue lendo

Profissões

Gestão Ambiental

A Gestão Ambiental é área que trata de assuntos relacionados ao meio ambiente envolve um mercado de trabalho em crescimento.

Publicado

em

por

A Gestão Ambiental é área que trata de assuntos relacionados ao meio ambiente envolve um mercado de trabalho em crescimento.

Gestão Ambiental

Sobre a profissão

Muitas empresa, visando melhorar a competitividade pela busca da qualidade ambiental (através da certificação ISSO 14000 e do selo verde), procuram profissionais que, além de apresentar um bom desempenho nas atividades de administração, tenham conhecimentos que permitam gerenciar estudos sobre impactos ambientais e atender às responsabilidades sociais inerentes à moderna atividade empresarial.

Assim, tal profissional deve conhecer biologia, ecologia, sociologia, legislação ambiental, poluição, geoprocessamento, etc. atendendo essa demanda, o curso de Gestão Ambiental oferece uma formação que integra a função gerencial com as áreas da ciência ambiental. Na sua grade curricular, além das disciplinas básicas, há matérias de: economia, administração de recursos humanos, marketing, gestão turística, direito ambiental e também matérias relativas ao meio ambiente ( como: botânica, zoologia, ecologia, biodiversidade, geociência ambiental, controle de poluentes, tratamento de resíduos urbanos e agroindustriais e elaboração de relatórios de impactos ambientais).

Campo de atuação

O gestor ambiental poderá atuar como administrador no comércio, na indústria e em bancos, ou então exercer suas atividades em :

– departamentos de meio ambiente de empresas públicas ou particulares;

– prefeituras, ONGs, ou empresas hidroelétricas, petroquímicas ou de mineração, celulose ou de saneamento;

– consultorias

– estudos de impactos ambientais

– gestão de arques e reservas e

– recuperação de áreas degradadas

Atualmente, os profissionais que atuam na área de gestão ambiental são formados apenas através de cursos de especialização ou de pós graduação.

O curso de graduação em Gestão Ambiental será oferecido a partir do ano 2002, na Escola Superior de Agricultura “Luiz de Queiroz” – ESALQ, em Piracicaba, no período noturno.

(Fonte: “A Universidade e as Profissões”, catálogo da Pró-Reitoria de Cultura e Extensão Universitária da Universidade de São Paulo)

Indicações

RECOMENDAMOS

Continue lendo

Profissões

História

O campo para o profissional de História, ainda hoje, consiste no ensino, quer secundário, quer universitário; entretanto, vem se ampliando.

Publicado

em

por

A moderna ciência histórica não mais consiste no tedioso relato de fatos e figuras tidas como importantes ao longo do processo de desenvolvimento da Humanidade.

História

Sobre a profissão

De tempos para cá, o historiador, profissional multidisciplinar versado em Sociologia, Política e demais conhecimentos na área das Ciências Sociais, busca entender e explicar as estruturas das sociedades, os seus usos e costumes e as mentalidades das diversas épocas.

O campo profissional, ainda hoje, consiste no ensino, quer secundário, quer universitário; entretanto, vem se ampliando o aproveitamento de historiadores na imprensa e em certos tipos de assessoria econômica e política.

Indicações

RECOMENDAMOS

Continue lendo